Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Zelensky acusa UE de atrasar artificialmente mais de US$ 8 bilhões em apoio financeiro à Ucrânia

© AP Photo / Escritório Presidencial da UcrâniaVladimir Zelensky, presidente ucraniano, vai a reunião com Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos EUA (fora da foto), em Kiev, Ucrânia, 1º de maio de 2022
Vladimir Zelensky, presidente ucraniano, vai a reunião com Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos EUA (fora da foto), em Kiev, Ucrânia, 1º de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 04.08.2022
Nos siga noTelegram
O presidente da Ucrânia, Vladimir Zelensky, disse que a União Europeia (UE) estava atrasando artificialmente a alocação de apoio macrofinanceiro para a Ucrânia no valor de US$ 8,2 bilhões (R$ 42,7 bilhões).

"8 bilhões de euros [R$ 42,7 bilhões] para a Ucrânia ainda estão congelados. Esse atraso do apoio macrofinanceiro à nossa nação é um crime ou um erro. E é difícil dizer o que é pior", acusou Zelensky em um vídeo postado em seu canal Telegram.

O presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, responde a perguntas da mídia durante coletiva de imprensa em um metrô de Kiev sob uma praça central, Ucrânia, 23 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 04.08.2022
Panorama internacional
Zelensky apela por conversas diretas com o presidente chinês Xi Jinping sobre conflito na Ucrânia
Ele acrescentou que estava tratando do assunto com a UE diariamente.

"Esperamos que isso seja um erro e que seja corrigido", disse Zelensky.

Presidente Joe Biden se encontra com o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, no Salão Oval da Casa Branca, em Washington, EUA, 1º de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 02.08.2022
Panorama internacional
NYT: existe uma 'desconfiança profunda' entre EUA e Zelensky
Na terça-feira (2), o vice-chefe de gabinete do presidente ucraniano, Igor Zhovkva, disse que a Alemanha foi responsável pelo atraso do apoio financeiro. Berlim rejeitou as acusações.
Casos de desvios de ajuda militar e humanitária à Ucrânia foram constatados.
No início de julho, o Escritório de Segurança Econômica da Ucrânia admitiu que identificou casos de venda de insumos e equipamentos militares, assim como de ajuda humanitária, enviados pelos países ocidentais. Cerca de dez casos criminais foram iniciados nesse sentido.
A preocupação em relação ao tema repercutiu também em Washington, que lidera o esforço de envio de armas e auxílio financeiro para os ucranianos. A congressista norte-americana Victoria Spartz, nascida na Ucrânia, recentemente pediu ao Congresso dos Estados Unidos a criação de um mecanismo para o monitoramento do auxílio enviado a Kiev.
Desde o início da operação militar especial russa na Ucrânia, os EUA e seus aliados intensificaram o envio de armas ao país, acumulando dezenas de bilhões de dólares em auxílio. O equipamento militar enviado tem sido cada vez mais sofisticado e já inclui armas de artilharia como os lançadores de foguetes de longo alcance Himars.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала