Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

EUA declaram emergência pública de saúde devido à varíola dos macacos

© AP Photo / Erwin Jacob MicianoEm Los Angeles, nos EUA, profissionais de saúde dentro de navio-hospital tratam paciente como parte de um esforço de apoio a hospitais da região para liberar leitos em meio à pandemia de COVID-19, em 29 de março de 2020
Em Los Angeles, nos EUA, profissionais de saúde dentro de navio-hospital tratam paciente como parte de um esforço de apoio a hospitais da região para liberar leitos em meio à pandemia de COVID-19, em 29 de março de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 04.08.2022
Nos siga noTelegram
Nesta quinta-feira (4), o governo dos Estados Unidos declarou emergência pública de saúde devido ao surto da varíola dos macacos no país, que já registra quase sete mil casos da doença.
A partir da declaração formal de "emergência de saúde pública", o governo norte-americano busca intensificar o combate à doença e garantir recursos federais nesse sentido. O anúncio foi feito pelo secretário de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, Xavier Becerra.
Conforme publicou a agência Reuters, o governo norte-americano também pretende, a partir da declaração, ampliar as ferramentas para frear o surto no país.
Recentemente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a varíola dos macacos uma "emergência de saúde pública de preocupação internacional", o mais alto nível de alerta da organização. A declaração teve como objetivo dar início a uma resposta coordenada internacional focada na ampliação dos recursos para tratamento e disponibilização de vacinas.
© AFP 2022 / Alain JocardProfissional de saúde prepara dose da vacina contra a varíola dos macacos (monkeypox) no centro de vacinação municipal de Edison, em Paris, 27 de julho de 2022
Profissional de saúde prepara dose da vacina contra a varíola dos macacos (monkeypox) no centro de vacinação municipal de Edison, em Paris, 27 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 04.08.2022
Profissional de saúde prepara dose da vacina contra a varíola dos macacos (monkeypox) no centro de vacinação municipal de Edison, em Paris, 27 de julho de 2022
Conforme dados do Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), apenas neste ano, mais de 26 mil casos da doença foram confirmados em pelo menos 80 países nos quais ela não é endêmica.
Os EUA são o país com o maior número de casos confirmados até o momento, 6.616. Logo em seguida estão a Espanha, com 4.577; a Alemanha, com 2.781; o Reino Unido, com 2.759; a França, com 2.239; e o Brasil, com 1.474.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала