Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Ucrânia diz que é improvável que acordo de grãos resulte em negociações entre Moscou e Kiev

© AP Photo / Efrem LukatskyGuindastes portuários na costa sul do mar de Azov, em Mariupol, na Ucrânia, em 2 de dezembro de 2018 (foto de arquivo)
Guindastes portuários na costa sul do mar de Azov, em Mariupol, na Ucrânia, em 2 de dezembro de 2018 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 03.08.2022
Nos siga noTelegram
O ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmitry Kuleba, disse nesta quarta-feira (3) que não apoia o entendimento da Turquia acerca do acordo de grãos.
Para as autoridades de Ancara, o tratado sobre grãos possivelmente facilitará as negociações entre Moscou e Kiev. Dmitry Kuleba, entretanto, esclareceu que o lado ucraniano "não compartilha desse tipo de otimismo".

"Em relação aos sinais mais encorajadores que a Turquia está enviando após o acordo de grãos, dizendo que é um pré-requisito para um acordo mais amplo entre a Ucrânia e a Rússia, não compartilhamos desse tipo de otimismo", disse Kuleba.

O diplomata brasileiro Celso Amorim durante coletiva de imprensa no seminário Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar, em São Paulo, em 13 de setembro de 2018 - Sputnik Brasil, 1920, 01.08.2022
Notícias do Brasil
Celso Amorim: para resolver crise na Ucrânia, objetivo deve ser chegar à paz, e não debilitar Rússia
Em julho, Yuri Ushakov, assessor presidencial russo, esclareceu que a delegação de negociação ucraniana não manteve contato com a Rússia depois de assinar os acordos de exportação de grãos em Istambul.
Em 22 de julho, negociações de quatro vias em Istambul intermediadas pelas Nações Unidas resultaram em acordos para retomar as exportações de grãos através do mar Negro a partir de três portos ucranianos.
O tratado ainda abriu caminho para alimentos e fertilizantes russos acessarem os mercados globais, em um esforço para estabilizar a alta dos preços dos alimentos em todo o mundo em meio à operação militar russa na Ucrânia e às sanções ocidentais contra Moscou.
Bandeiras da Turquia, Rússia, ONU e Ucrânia durante assinatura do acordo de grãos em Istambul, 22 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 22.07.2022
Panorama internacional
Rússia firma 'pacto alimentar' com Turquia e ONU sobre retirada de grãos ucranianos do mar Negro
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала