Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Nicarágua remove aprovação a novo embaixador dos EUA após 'declarações intervencionistas'

© AFP 2022 / Oswaldo RivasCongressistas participam de sessão parlamentar na Assembleia Nacional em Manágua, Nicarágua, 14 de junho de 2022
Congressistas participam de sessão parlamentar na Assembleia Nacional em Manágua, Nicarágua, 14 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 29.07.2022
Nos siga noTelegram
O novo embaixador americano na Nicarágua realizou afirmações que desrespeitam a soberania do país e violam o direito internacional, disse na quinta-feira (28) Manágua.
A Nicarágua retirou na quinta-feira (28) a aprovação para a entrada de Hugo Rodríguez, recém-designado embaixador dos EUA no país centro-americano, comunicou Denis Moncada, ministro das Relações Exteriores nicaraguense.
A Nicarágua retira sua aprovação de Hugo Rodríguez, candidato ao cargo de embaixador dos EUA em Manágua.
Anteriormente nessa quinta-feira (28), Hugo Rodríguez, que estava previsto para substituir no cargo Kevin Sullivan, proclamou em uma audiência ao Senado americano que ele "apoiaria usar todas as ferramentas econômicas e diplomáticas para conseguir uma mudança na direção de Nicarágua", citou a agência britânica Reuters.
De acordo com o embaixador, a Nicarágua está virando uma ditadura, o presidente Daniel Ortega deve ser sancionado, e o país tem de ser removido do CAFTA-DR, um pacto comercial que inclui, além dos EUA e Nicarágua, vários países da América Central.
Para Moncada, Rodríguez "realizou declarações intervencionistas e desrespeitosas contra o nosso país, desconhecendo os princípios do Direito Internacional, a Carta das Nações Unidas e a Convenção de Viena sobre as Relações Diplomáticas".
Segundo o chanceler da Nicarágua, cada diplomata tem o dever de contribuir ao respeito e entendimento entre os povos.
Como tal, "o governo da Nicarágua, usando suas faculdades, e em exercício de sua soberania nacional, retira imediatamente a aprovação concedida ao solicitante Hugo Rodríguez", indicou o ministro da Nicarágua, que, segundo mídia local, informou também ter enviado a respectiva nota ao Departamento de Estado dos EUA e a Kevin Sullivan, embaixador americano em Manágua.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала