Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Estônia quer proibir emissão de vistos Schengen para russos em toda União Europeia

© Sputnik / Sergei KirkachVisto de Schengen europeu
Visto de Schengen europeu - Sputnik Brasil, 1920, 29.07.2022
Nos siga noTelegram
A Estônia vai preparar uma proposta para que Bruxelas impeça cidadãos russos de entrar na Europa como regra básica, disse o ministro das Relações Exteriores da Estônia, Urmas Reinsalu, nesta sexta-feira (29).
Tallinn lançou na quinta-feira (28) outro pacote de sanções contra Moscou por sua operação militar especial na Ucrânia, proibindo os cidadãos russos de obter vistos e autorizações de residência para fins de estudo e solicitar empregos de curto prazo sem um visto estoniano válido.
"Como regra básica, a entrada de cidadãos russos na Europa deve ser bloqueada, e a Estônia fará essa proposta. No final de agosto me reunirei com ministros das Relações Exteriores de outros países europeus em Praga, e então apresentarei um plano para restrições em toda a Europa", disse Reinsalu em entrevista à emissora Vikerraadio.
Segundo Reinsalu, a Estônia poderia aplicar a regra já em vigor na Letônia, que obriga os cidadãos russos que entram no país a declarar na fronteira que condenam as ações da Rússia na Ucrânia.
"Esse princípio também pode ser estendido à obtenção da cidadania estoniana por meio da naturalização", acrescentou o ministro.
Bandeiras da Rússia e da União Europeia - Sputnik Brasil, 1920, 26.07.2022
Panorama internacional
União Europeia esgotou suas capacidades de impor sanções contra Rússia, diz Le Monde
Reinsalu também disse que os vistos estonianos emitidos anteriormente e ainda válidos devem ser revogados, apesar de tais medidas nunca terem sido tomadas antes, acrescentando que mais de 50.000 vistos Schengen válidos foram emitidos para cidadãos russos na Estônia, o que é "demais".
Na quinta-feira, a Comissão da União Europeia (UE) disse que os países da UE não podem parar completamente de emitir vistos Schengen para cidadãos russos, acrescentando, no entanto, que os Estados-membros da UE podem decidir por si mesmos sobre a emissão de vistos Schengen de curto prazo e considerar cada solicitação individualmente.
A partir de hoje, vários Estados da UElimitaram a emissão de vistos Schengen a cidadãos russos, incluindo República Tcheca, Estônia, Letônia, Lituânia, Romênia, Polônia, Países Baixos, França, Grécia e Espanha.
No início da semana, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que Moscou esperava a "sobriedade" do pensamento da UE sobre a questão dos vistos Schengen para os russos, mas não excluiu "ações emocionais".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала