Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Adesão do Irã à SCO vai aumentar influência do grupo globalmente, diz MRE da Índia

© Sputnik / Alexander Shcherbak/POOLO ministro das Relações Exteriores da Índia, Subrahmanyam Jaishankar, fala com a mídia durante uma entrevista coletiva após a reunião com seu colega russo Sergei Lavrov, em Moscou, Rússia
O ministro das Relações Exteriores da Índia, Subrahmanyam Jaishankar, fala com a mídia durante uma entrevista coletiva após a reunião com seu colega russo Sergei Lavrov, em Moscou, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 29.07.2022
Nos siga noTelegram
Autoridades indianas disseram que o trabalho no porto de Chabahar foi afetado após sanções unilaterais impostas pelo governo Trump a Teerã depois que o ex-presidente dos EUA saiu do acordo nuclear com o Irã. Em abril deste ano, o ex-presidente da Índia, Ram Nath Kovind, disse que Nova Deli havia tomado medidas para "operacionalizar" o porto.
O ministro das Relações Exteriores da Índia, Subrahmanyam Jaishankar, apoiou a concessão de status de membro com plenos direitos ao Irã para expandir a Organização de Cooperação de Xangai (SCO, na sigla em inglês) afirmando que a decisão vai fortalecer a influência do grupo no mercado global.
"Os membros da SCO terão a oportunidade de usar as instalações do porto de Chabahar no Irã", disse Jaishankar durante a reunião do Conselho de Ministros das Relações Exteriores (CFM, na sigla em inglês) da SCO, em Tashkent, nesta sexta-feira (29).
A Índia financiou o desenvolvimento do porto de Chabahar e apoiou o projeto iraniano para aumentar a conectividade regional entre os países da Ásia Central e do Sul. Chabahar também faz parte do Corredor Internacional de Transporte Norte-Sul (INSTC), uma iniciativa de conectividade que liga a Índia à Rússia através do Irã e da Ásia Central.
O ministro das Relações Exteriores da Índia também pediu aos Estados-membros da SCO que combatam a fome no Afeganistão, onde o Programa Mundial de Alimentos (PAM) alertou sobre uma "catástrofe humanitária" iminente.
A usina nuclear Bushehr no Irã - Sputnik Brasil, 1920, 28.07.2022
Panorama internacional
Irã construirá novo reator de pesquisa nuclear, anuncia OEAI
"A Índia está ajudando o Afeganistão em todos os lugares. Já entregamos 40.000 toneladas de trigo, 500.000 doses de vacinas, bem como roupas e suprimentos de emergência ao Hospital Indira Gandhi em Cabul", disse Jaishankar.
A recuperação econômica do Afeganistão foi o centro das atenções na reunião do CFM da SCO, com o anfitrião Uzbequistão, Rússia e China instando os EUA a descongelar os ativos federais de Cabul no valor de quase US$ 9 bilhões (cerca de R$ 46,7 bilhões), que estão atualmente em instituições financeiras norte-americanas.
O ministro das Relações Exteriores do Talibã (organização sob sanções da ONU por atividades terroristas), Amir Khan Muttaqi, também foi convidado para a reunião, embora não tenha sido um participante formal, aproveitou a oportunidade para realizar encontros bilaterais com outros ministros das Relações Exteriores da SCO.
Jaishankar expressou ainda o apreço de Nova Deli pelos esforços de Tashkent para fortalecer a "cooperação regional" dentro da organização, conforme o Ministério das Relações Exteriores do Uzbequistão.
Presidente belarusso, Aleksandr Lukashenko, durante uma reunião com o presidente russo, Vladimir Putin - Sputnik Brasil, 1920, 15.07.2022
Panorama internacional
Belarus solicita adesão à Organização de Cooperação de Xangai, afirma secretário-geral

"A Índia apoia ativamente as iniciativas da República do Uzbequistão e está convencida de que a Cúpula da SCO em Samarcanda será bem-sucedida", disse Jaishankar em seu discurso. A cúpula de líderes da SCO, em Samarcanda, está programada para ocorrer de 15 a 16 de setembro.

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse a repórteres após a reunião que os acordos relevantes para conceder a adesão plena do Irã à SCO serão "adotados" na próxima cúpula de líderes programada para ocorrer em Samarcanda. De acordo com Lavrov, Teerã já havia recebido "status de candidato" à SCO no ano passado.
O principal diplomata da Rússia acrescentou que vários países, inclusive no Oriente Médio e na Ásia, também solicitaram um "status de observador" e para serem "parceiros de diálogo" na SCO. Além do Irã, a SCO também está considerando a adesão plena à Belarus.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала