Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Rússia elimina mercenários e até 120 militares que protegiam mísseis para sistemas HIMARS na Ucrânia

© Foto / Exército dos EUA Sistema de lançamento múltiplo de foguetes dos EUA M142 Himars
Sistema de lançamento múltiplo de foguetes dos EUA M142 Himars - Sputnik Brasil, 1920, 27.07.2022
Nos siga noTelegram
Nas últimas 24 horas, a aviação, artilharia e tropas de mísseis da Rússia atingiram um local de implantação de mercenários estrangeiros nas instalações de uma fábrica de maquinaria na cidade de Carcóvia, informou nesta quarta-feira (27) o Ministério da Defesa da Rússia.
Além disso, foram atingidos militantes do grupo nacionalista Chernaya Sotnya na área de povoado de Artemovsk na República Popular de Donetsk, acrescenta o comunicado.
A entidade militar russa acrescenta que também foram destruídos oito depósitos de munições em povoados na RPD que estão sob o controle de Kiev e nas regiões de Zaporozhye e Nikolaev.
Informa-se que as Forças Armadas da Rússia atingiram nas últimas 24 horas quatro postos de comando e vigilância na RPD e região de Zaporozhye.
O representante oficial da Defesa russa, tenente-general Igor Konashenkov, informou que os meios da defesa antiaérea da Rússia derrubaram um helicóptero Mi-8 da Força Aérea ucraniana perto do povoado de Barmashovo, na região de Nikolaev.
Em 24 de julho, a Força Aeroespacial da Rússia atingiu na região de Dnepropetrovsk um depósito com mais de 100 projéteis para sistemas de lançamento múltiplo HIMARS, eliminando até 120 militares que vigiavam as instalações, bem como mercenários e especialistas técnicos estrangeiros, revelou a Defesa russa nesta quarta-feira (27).
Konashenkov disse ainda que a defesa antiaérea da Rússia interceptou dez projéteis de sistemas de lançamento múltiplo de foguetes Olkha e HIMARS sobre a cidade de Kherson e vários povoados desta região.
Navio de patrulha ucraniano do projeto 205P BG-32 Donbass - Sputnik Brasil, 1920, 24.07.2022
Panorama internacional
MD russo: militares destroem em Odessa navio de guerra ucraniano e depósito de mísseis Harpoon
O general russo ressaltou que 53ª Brigada Mecanizada das Forças Armadas da Ucrânia posicionada na República Popular de Donetsk praticamente perdeu sua capacidade de combate após a destruição de um posto de comando na sequência de um ataque de alta precisão russo.
No total, desde o início da operação militar especial, foram eliminados 260 aviões, 145 helicópteros, 1.622 drones, 358 sistemas de defesa antiaérea, 4.167 tanques e outros veículos blindados de combate, 763 lançadores múltiplos de foguetes, 3.203 peças de artilharia de campanha e morteiros, e 4.494 veículos militares especiais do Exército ucraniano, concluiu o representante do Ministério da Defesa russo.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала