Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Sanções contra Rússia já impactam Armênia, e ministro fala em 'eliminar ameaças'

© AP Photo / Serviço de Imprensa do Ministério das Relações Exteriores da RússiaO ministro das Relações Exteriores da Armênia, Ararat Mirzoyan, participa de reunião da Organização do Tratado de Segurança Coletiva (OTSC), em Dushanbe, no Tajiquistão, em 16 de setembro de 2021
O ministro das Relações Exteriores da Armênia, Ararat Mirzoyan, participa de reunião da Organização do Tratado de Segurança Coletiva (OTSC), em Dushanbe, no Tajiquistão, em 16 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 26.07.2022
Nos siga noTelegram
As sanções ocidentais impostas à Rússia devido ao conflito na Ucrânia estão impactando negativamente a economia da Armênia, disse o ministro das Relações Exteriores do país, Ararat Mirzoyan, nesta terça-feira (26).

"As sanções contra a Rússia têm um impacto negativo direto ou indireto no desenvolvimento econômico da Armênia e na situação econômica da região em geral", afirmou Mirzoyan.

Segundo o ministro, o país está buscando "soluções de curto e médio prazos e mecanismos para, se possível, eliminar essas ameaças".
"Minha esperança é que tenhamos sucesso nesse processo", apontou.
As declarações de Mirzoyan foram dadas em entrevista coletiva durante visita a Praga, onde se encontrou com o ministro das Relações Exteriores da República Tcheca, Jan Lipavsky, para discutir a cooperação econômica, comercial e de investimento.
O presidente russo, Vladimir Putin, faz discurso na sede do Serviço de Inteligência Externa da Rússia (SVR, na sigla em russo) - Sputnik Brasil, 1920, 25.07.2022
Panorama internacional
Putin diz que sanções dão oportunidade para o desenvolvimento da indústria de aviação
Desde o início da operação militar especial russa na Ucrânia, no dia 24 de fevereiro, os EUA e seus aliados iniciaram a aplicação de sanções contra Moscou. Entre as medidas estão restrições econômicas às reservas internacionais russas e a suas exportações de petróleo, gás, carvão, aço e ferro.
Segundo o Kremlin, o objetivo da operação é "desmilitarizar" e "desnazificar" a Ucrânia, após pedido de ajuda das repúblicas populares de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) para combater ataques de tropas ucranianas.
A missão, segundo o Ministério da Defesa russo, tem como alvo apenas a infraestrutura militar da Ucrânia. Além disso, as Forças Armadas da Rússia têm acusado militares ucranianos de usar "métodos terroristas" nos combates, como fazer civis de "escudo humano" e se alojar em construções não militares.
Neonazistas na Ucrânia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 26.07.2022
Notícias do Brasil
Investigação da Sputnik revela quem são os neonazistas que assombram o Brasil
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала