Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Colapso econômico do Ocidente e OTAN pode significar fim do apoio à Ucrânia, diz mídia

© AP Photo / Olivier MatthysBandeiras dos países-membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) tremulam ao vento do lado de fora da sede da aliança em Bruxelas, 22 de fevereiro de 2022
Bandeiras dos países-membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) tremulam ao vento do lado de fora da sede da aliança em Bruxelas, 22 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 26.07.2022
Nos siga noTelegram
De acordo com o portal 19FortyFive, o colapso econômico na Europa e no Ocidente em geral pode provocar o fim do apoio a Kiev.
O portal destaca que, apesar de os EUA e da Europa estarem altamente focados no conflito com a Rússia e manterem um "apoio fiel " à Ucrânia, a população ocidental e europeia em particular está demonstrando sinais de insatisfação e cobrando dos seus governos um maior empenhamento nos problemas internos e interesses nacionais, já que está sentindo um resultado catastrófico na economia.
Caso o descontentamento da população no Ocidente venha a aumentar ainda mais, o apoio incondicional a Kiev pode "se evaporar" rapidamente, destaca o portal.
O presidente Joe Biden fala a repórteres após reuniões com o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman em Jeddah, Arábia Saudita, 15 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 25.07.2022
Panorama internacional
Casa Branca tenta redefinir 'recessão' após segundo trimestre consecutivo de contração econômica
Além disso, o 19FortyFive ressalta que o conflito na Ucrânia não terminará por razões militares, mas sim por fatores possivelmente econômicos, energéticos ou em resultado da pressão da população dos países ocidentais.
Outro fator que pode pôr fim ao apoio ocidental é que os ucranianos seguem pedindo cada vez mais armas, o que pode afetar negativamente e enfraquecer as defesas dos países envolvidos, como é o caso dos próprios EUA, que já estariam sentindo o peso dos fornecimentos a Kiev.
De acordo com o portal, muitos países, apesar de serem contra a operação russa, temem que o apoio a Kiev chegue a um ponto que ameace a segurança de seus próprios países, fazendo com que os mesmos cruzem a linha e se tornem parte do conflito.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала