- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

'Não posso trazer um problema de fora', diz Bolsonaro sobre a Ucrânia

© Folhapress / Brazil Photo Press / FolhapressJair Bolsonaro (PL) Presidente da República do Brasil durante abertura do Global Agrobusiness Forum 2022
Jair Bolsonaro (PL) Presidente da República do Brasil durante abertura do Global Agrobusiness Forum 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 25.07.2022
Nos siga noTelegram
Declaração de Bolsonaro foi dada nesta segunda-feira (25), poucos dias após ser criticado por Zelensky por optar pela neutralidade no conflito entre Rússia e Ucrânia.
Poucos dias após ser criticado pelo presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, por ter escolhido a neutralidade em relação ao conflito entre Rússia e Ucrânia, o presidente Jair Bolsonaro tornou a abordar a questão, nesta segunda-feira (25).
Em discurso na abertura da Global Agribusiness Forum 2022, em São Paulo, Bolsonaro afirmou que "não quer guerra em nenhum lugar do mundo", mas que não poderia "trazer um problema lá de fora para o nosso colo".
"Fomos à Rússia e recebi críticas de 99,9% da imprensa, sobre críticas de outros países, mas eu sou presidente do Brasil. Quero paz, não quero guerra em lugar nenhum do mundo e faço o possível para isso, mas não posso trazer um problema lá de fora para o nosso colo, sem poder solucioná-lo, ficaríamos com dois problemas", disse Bolsonaro.
Encontro com chefes de missão diplomática, 18 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 20.07.2022
Notícias do Brasil
Bolsonaro sobre conflito entre Rússia e Ucrânia: 'Estou do lado da paz'
Bolsonaro também mencionou a negociação com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, para garantir o fornecimento de fertilizantes ao Brasil. Dias antes da Rússia iniciar a operação militar especial na Ucrânia, Bolsonaro esteve em Moscou, onde se encontrou com Putin para tratar do assunto.
"O presidente Putin me atendeu muito bem. Três horas de conversa. Presente do meu lado, eu, uma pessoa do quadro do Itamaraty, do lado de lá o presidente, duas pessoas dele. Três horas de conversa fantástica. Interesses mútuos. Tudo que nós conversamos está sendo cumprido. Tanto é que quase 30 navios já aportaram aqui depois dessa conversa, garantindo insumos para o nosso agro", disse Bolsonaro.
O presidente acrescentou que se o Brasil reduzisse a produtividade por falta de fertilizantes, haveria inflação e "até mesmo desabastecimento". Segundo noticiado, ele também criticou quem milita pelo clima, afirmando que "alguns preferem morrer de fome, do que derrubar uma árvore".
"Opção deles, mas não pode ser para o resto do nosso país. Tínhamos que buscar garantia do fornecimento de fertilizantes, em outro país. Isso [importar o insumo da Rússia] foi decidido em dezembro do ano passado, mas em março, já tínhamos aqui o nosso programa de fertilizantes", disse Bolsonaro.
Presidente da República, Jair Bolsonaro durante partida de Moscou para Hungria, 17 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 09.03.2022
Notícias do Brasil
'Bolsonaro ofendeu Zelensky e virou as costas para gente', diz líder de entidade ucraniana
Vladimir Zelensky criticou Bolsonaro em uma entrevista concedida à emissora Globo, na qual falou sobre a conversa por telefone que teve com o presidente brasileiro. Em sua crítica, Zelensky mencionou a Segunda Guerra Mundial como exemplo.
"Vamos pensar sobre a Segunda Guerra Mundial. Foi assim. Muitos líderes ficaram neutros em um primeiro momento. Isso permitiu que os fascistas engolissem metade da Europa e se expandissem mais e mais, capturando toda a Europa", disse Zelensky.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала