Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

OTAN é uma aliança obsoleta incapaz de resolver desafios da atualidade, sugere revista

© AP Photo / Vadim GhirdaSoldado romeno com bandeira da OTAN
Soldado romeno com bandeira da OTAN - Sputnik Brasil, 1920, 24.07.2022
Nos siga noTelegram
A Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) é uma aliança cara, obsoleta e incapaz de reagir aos problemas da atualidade, sugere Justin Logan, colunista da revista Foreign Policy.
De acordo com ele, o bloco militar, estabelecido em 1949 e cujo objetivo era a oposição à União Soviética durante os tempos da Guerra Fria, tornou-se obsoleto.
"A OTAN não resolve [os problemas] da pandemia ou combate à pirataria. Ela [a Aliança] não tem capacidades, nem autoridade, nem aptidão para estes fins. Por essas razões, os apoiadores da Aliança provavelmente deveriam pensar em um plano B, em vez de promover o bloco como uma panaceia para todos os problemas", diz analista.
Além disso, ele observou que a OTAN é um "bem de luxo" que os Estados Unidos não precisam.

"A limitação dos recursos começa a picar. O orçamento da Defesa, já dilatado até US$ 847 bilhões [R$ 4,65 trilhões] não vai subir em breve para um trilhão de dólares ou mais. As tentativas dos EUA de desempenharem um papel de liderança no espaço de segurança europeu é um item de luxo que é demasiado caro para Washington", conclui autor do artigo.

 O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), Jens Stoltenberg, durante conferência de imprensa após reunião do Conselho Rússia-OTAN, em Bruxelas, 12 de janeiro de 2022  - Sputnik Brasil, 1920, 05.07.2022
Panorama internacional
'OTAN tem propiciado 2 últimas guerras na Europa: na Iugoslávia e Ucrânia', diz ex-eurodeputado
No início deste mês, Javier Couso, ex-deputado espanhol do Parlamento Europeu entre 2014 e 2019, disse que a OTAN "sempre busca um inimigo, porque se não busca não tem razão de existir".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала