Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Tropas ucranianas bombardeiam Stakhanov, na RPL, com lança-mísseis Himars enviado pelos EUA

CC BY 2.0 / DVIDSHUB / Sgt. Christopher GaylordSistema de Foguetes de Artilharia de Alta Mobilidade (Himars, na sigla em inglês), produzido nos Estados Unidos (foto de arquivo)
Sistema de Foguetes de Artilharia de Alta Mobilidade (Himars, na sigla em inglês), produzido nos Estados Unidos (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 22.07.2022
Nos siga noTelegram
Tropas ucranianas bombardearam a cidade de Stakhanov, na República Popular de Lugansk (RPL), com o lança-mísseis americano Himars, informou o escritório de representação da república no Centro Conjunto de Controle e Coordenação do Regime de Cessar-fogo (JCCC, na sigla em inglês), na noite desta sexta-feira (22).

"O bombardeio foi registrado do lado das formações armadas da Ucrânia: 22h56 [16h56, em Brasília] no assentamento de Stakhanov, com o uso de Himars", disse o escritório em comunicado.

As tropas ucranianas também dispararam oito projéteis de calibre 152 mm, nesta sexta-feira (22), nos distritos de Kirovsky e Petrovsky, na República Popular de Donetsk (RPD), informou o escritório de representação da república no Centro Conjunto de Controle e Coordenação do Regime de Cessar-fogo (JCCC, na sigla em inglês).
O Sistema de Foguetes de Artilharia de Alta Mobilidade (Himars, na sigla em inglês) foi desenvolvido nos Estados Unidos, pelas empresas BAE Systems e Lockheed Martin, entre 1996 e 2000, e é produzido desde 2003.
Criado com base no chassi com rodas de três eixos FMTV, do Exército dos EUA, o Himars pode transportar seis foguetes ou um míssil balístico operacional-tático ATACMS, com alcance de disparo de até 80 quilômetros.
© AFP 2022 / Fayez NureldineMilitares dos EUA perto de um lançador múltiplo de foguetes M142 Himars
Militares dos EUA perto de um lançador múltiplo de foguetes M142 HIMARS (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 22.07.2022
Militares dos EUA perto de um lançador múltiplo de foguetes M142 Himars. Foto de arquivo
O sistema de lançamento múltiplo de mísseis é usado pelos seguintes países: Estados Unidos, Jordânia, Emirados Árabes Unidos, Romênia, Cingapura e, mais recentemente, Ucrânia.
O Himars tem sido usado por tropas ucranianas desde o final de junho de 2022, quatro meses após o início da operação militar russa na Ucrânia.
Na última quarta-feira (20), o chefe do Estado-Maior Conjunto dos EUA, o general Mark Milley, confirmou que Washington já enviou 12 unidades do Himars à Ucrânia de um total de 20 prometidos pelo país e seus aliados ocidentais.
Segundo ele, 200 soldados ucranianos foram treinados para utilizar os lança-mísseis.
No último domingo (17), dois civis morreram após um bombardeiro de tropas ucranianas contra a cidade de Alchevsk, na República Popular de Lugansk (RPL), com mísseis fornecidos pelos EUA.
Os EUA já treinaram centenas de ucranianos para operar obuseiros M777, Himars e drones Phoenix Ghost, entre outras armas fornecidas ao país durante o conflito com a Rússia.
Veículo de combate Stryker dos EUA - Sputnik Brasil, 1920, 19.07.2022
Empresa dos EUA vai desenvolver na Escócia centro de armamentos a laser contra drones e projéteis
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала