Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Independent: Partido Trabalhista britânico quer ver Truss como primeira-ministra

© AFP 2022 / Justin Tallis Ministra das Relações Exteriores britânica, Liz Truss, discursa na cerimônia de lançamento da sua campanha eleitoral para o cargo do líder do Partido Conservador, 14 de julho de 2022
Ministra das Relações Exteriores britânica, Liz Truss, discursa na cerimônia de lançamento da sua campanha eleitoral para o cargo do líder do Partido Conservador, 14 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 20.07.2022
Nos siga noTelegram
As autoridades do Partido Trabalhista britânico, agora na oposição, querem que Liz Truss se torne a nova primeira-ministra do Reino Unido, acreditando que o seu "estilo rígido" ajudará Keir Starmer, líder partidário delas, a parecer "menos monótono" e chegar ao poder, diz o Independent, referindo-se a fontes no Partido Trabalhista.
Segundo as fontes do jornal, Keir Starmer teria mais dificuldades contra outra candidata, a atual vice-ministra do Comércio Exterior, Penny Mordaunt, em se tratando de debates na Câmara dos Comuns. Quanto a mais um candidato, o ex-ministro das Finanças Rishi Sunak, os membros do Partido Trabalhista veem as perspectivas de confronto político com ele de maneira neutra.

"O plano de redução de impostos dela [de Liz Truss] correspondia bem à nossa tática de apresentar os conservadores como o partido dos ricos. Ela é tão rígida, que, se comparado a ela, Keir [Starmer] pareceria menos monótono. Apresentar Truss como a nova Margaret Thatcher [primeira-ministra britânica de 1979 a 1990] pode agradar aos membros da direita do partido Tory [antigo nome do Partido Conservador], mas não a outras pessoas."

© Sputnik / Abrir o banco de imagensMinistra das Relações Exteriores britânica, Liz Truss, durante as negociações com seu homólogo russo, Sergei Lavrov, no MRE da Rússia
Ministra das Relações Exteriores britânica, Liz Truss, durante as negociações com seu homólogo russo, Sergei Lavrov, no MRE da Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 20.07.2022
Ministra das Relações Exteriores britânica, Liz Truss, durante as negociações com seu homólogo russo, Sergei Lavrov, no MRE da Rússia
Os altos funcionários do Partido Trabalhista supõem que Truss vai "seguir a política de orientação de direita" do ex-primeiro-ministro Boris Johnson, que renunciou ao cargo há duas semanas, mas, devido à falta de carisma, ela será uma oponente mais fraca no Parlamento britânico.
Ao mesmo tempo, segundo o Independent, o representante de Starmer negou o fato de o líder do Partido Trabalhista desejar a vitória de Truss, afirmando que "nenhum dos candidatos" preocupa o partido.
Na terça-feira (19), o presidente do Comitê 1922 do Partido Conservador, Graham Brady, afirmou que três candidatos passaram para a próxima rodada da disputa pelo cargo de premiê: Rishi Sunak, Penny Mordaunt e Liz Truss. Assim, ficou fora da corrida a ex-ministra das Igualdades Kemi Badenoch. Assim como antes, Rishi Sunak recebeu o maior número de votos (118), seguido por Mordaunt (92) e Truss (86). Os dois principais candidatos para o cargo serão eleitos já na quarta-feira (20).
Boris Johnson, que substituiu Theresa May no cargo em 2019, anunciou a sua renúncia como primeiro-ministro britânico e líder do Partido Conservador em 7 de julho.
Em Liverpool, na Inglaterra, a secretária de Relações Exteriores do Reino Unido, Liz Truss, discursa durante encontro do G7, em 12 de dezembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 18.07.2022
Panorama internacional
Declarações de Truss acerca da reunião com Putin na cúpula do G20 refletem sua posição sobre Rússia
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала