Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

'Ameaças emergentes': Reino Unido investe bilhões para modernizar frota de caças Typhoon

© AP Photo / Força Aérea RealCaça Typhoon da Força Aérea do Reino Unido (em primeiro plano) segue um caça Su-30 Flanker russo
Caça Typhoon da Força Aérea do Reino Unido (em primeiro plano) segue um caça Su-30 Flanker russo - Sputnik Brasil, 1920, 16.07.2022
Nos siga noTelegram
Na sexta-feira (15), a empresa de defesa BAE Systems anunciou que o Reino Unido investirá US$ 2,35 bilhões (cerca de R$ 13,5 bilhões) para atualizar sua frota de jatos Eurofighter Typhoon e mantê-la como uma força de combate eficaz pelas próximas duas décadas.
A BAE System fez o anúncio por meio de um comunicado de imprensa atribuindo os valores ao Ministério da Defesa do Reino Unido. Segundo a empresa, os caças de combate da Força Aérea britânica receberão um pacote de novas capacidades.
Mais cedo, o ministro da Defesa do Reino Unido, Jeremy Quin, anunciou a decisão durante um evento realizado na base aérea de Fairford, ainda segundo o comunicado.
© AP Photo / Tsafrir AbayovEurofighter Typhoon do Reino Unido voando sobre a base aérea Ovda durante exercícios militares perto de Eilat, sul de Israel, 24 de outubro de 2021
Eurofighter Typhoon do Reino Unido voando sobre a base aérea Ovda durante exercícios militares perto de Eilat, sul de Israel, 24 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 16.07.2022
Eurofighter Typhoon do Reino Unido voando sobre a base aérea Ovda durante exercícios militares perto de Eilat, sul de Israel, 24 de outubro de 2021
O plano de atualização dos caças "inclui a entrega do radar Mk 2 do Sistema Comum de Radar Europeu [ECRS, na sigla em inglês] de última geração". A empresa acrescentou que o projeto garantirá que as aeronaves modernizadas possam integrar novos recursos e armas adicionais até o final da década. O comunicado fala ainda em "combater ameaças emergentes até 2040".
Ainda segundo a empresa, o investimento ajudará a manter 20 mil empregos em todo o Reino Unido e contribuirá para o treinamento e a implementação de uma nova geração de engenheiros, técnicos e fabricantes aeroespaciais em todo o país.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала