Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Embaixada russa: EUA desacreditam Rússia por suposta ameaça de armas biológicas

© Sputnik / Mikhail Turgiev / Abrir o banco de imagensPrédio da embaixada da Rússia em Washington, EUA, em 2020
Prédio da embaixada da Rússia em Washington, EUA, em 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 15.07.2022
Nos siga noTelegram
Mídia americana prossegue uma campanha para desacreditar a Rússia, exagerando uma suposta ameaça de uso das armas biológicas pelas Forças Armadas russas, embora tenham sido os próprios americanos a ser acusados de usar essas armas, diz em comunicado a embaixada russa em Washington.
Nesta semana, o veículo de imprensa americano The Hill publicou um artigo de quatro médicos, que sugerem que Moscou supostamente pode usar na Ucrânia "meios de destruição em massa".

"Ressaltamos que foram justamente os Estados Unidos, e não o nosso país, que mancharam sua reputação neste âmbito. As respetivas evidências documentais foram repetidamente divulgadas pelo Ministério da Defesa da Rússia com referência a relatórios americanos", segundo a embaixada.

A missão diplomática também exortou os especialistas locais a estudarem os documentos sobre a atividade biológico-militar dos Estados Unidos e a tirarem conclusões.

"Exortamos os especialistas locais [...] a ponderarem por que os EUA têm impedido por tantos anos as tentativas de membros responsáveis da comunidade internacional, inclusive da Rússia, de reforçar o regime da convenção sobre as armas biológicas e têm bloqueado a elaboração do protocolo juridicamente vinculativo da BWC [Convenção sobre as Armas Químicas e Biológicas]", resumiram na embaixada.

No início de julho, o chefe das Forças de Defesa Química, Biológica e Radiológica da Rússia, Igor Kirillov, informou, durante briefing dedicado aos resultados de análise dos documentos sobre a atividade biológico-militar dos Estados Unidos na Ucrânia, que os EUA planejaram, no período da Guerra da Coreia, usar munições biológicas para atacar a produção de grãos na União Soviética.
Perigo biológico - Sputnik Brasil, 1920, 16.06.2022
Panorama internacional
MD russo obtém documentos que confirmam interação entre defesas da Ucrânia e EUA em armas biológicas
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала