Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Bloomberg desvenda plano da Rússia de se proteger da iniciativa petrolífera do G7

© Sputnik / Vitaly Timkiv / Abrir o banco de imagensPoço de petróleo na região de Krasnodar, Rússia (foto de arquivo)
Poço de petróleo na região de Krasnodar, Rússia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 15.07.2022
Nos siga noTelegram
A Rússia está planejando criar um preço referencial de petróleo nacional para se proteger das tentativas do Ocidente de cortar suas receitas, escreve a agência Bloomberg.
"O governo russo elaborou um plano de criar um preço referencial de petróleo nacional no ano que vem, enquanto pretende se proteger dos esforços ocidentais de limitar o fluxo de petrodólares ao país", diz a publicação.
A agência afirma ter se familiarizado com um documento conforme o qual os ministérios-chave russos, os produtores de petróleo e Banco Central da Rússia planejam lançar a venda do petróleo na plataforma nacional já em outubro.

"A Rússia trabalhará para atrair parceiros estrangeiros para comprar petróleo, com o objetivo de alcançar volumes comerciais suficientes para estabelecer um preço referente entre março e julho de 2023, de acordo com o plano."

Mesmo assim, ressalta-se que a iniciativa está "na fase inicial".
Os interlocutores da agência em Moscou, sob condições de anonimato, confirmaram os planos de estabelecer a referência padrão do preço de petróleo, notando que isso permitirá nivelar a pressão externa, e relembraram as iniciativas petrolíferas do G7.
Os países do Ocidente continuam discutindo diversas medidas para restringir as receitas russas da exportação de recursos energéticos. Até agora, não conseguiram atingir a meta nem pelo embargo petrolífero, nem pela recusa voluntária das empresas estrangeiras. O redirecionamento das exportações, esquemas alternativos de entregas e "o prêmio de sanções" em cotação de petróleo permitem a Moscou, até com vendas com desconto, assegurar as receitas para o orçamento.
Base de extração de petróleo na Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 07.07.2022
Notícias do Brasil
Brasil não apoiará ideia de limitar preço do petróleo russo, confirma Itamaraty
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала