Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Rússia e UE têm acordo sobre trânsito de produtos para Kaliningrado, diz jornal

© Sputnik / Mikhail Golenkov / Abrir o banco de imagensPátio ferroviário na região russa de Kaliningrado
Pátio ferroviário na região russa de Kaliningrado - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
Nos siga noTelegram
Na terça-feira (12), a União Europeia (UE) e a Rússia fecharam um acordo sobre o trânsito de bens para o exclave russo de Kaliningrado, segundo mídia local.
Conforme publicou o jornal russo Izvestia, citando fontes oficiais da Rússia, Bruxelas teria enviado a Moscou um documento com apontamentos considerados satisfatórios pelo governo russo.

"Esse documento afirma que é impossível restringir o trânsito de bens entre as áreas da Federação da Rússia. Portanto todos os bens a caminho da região serão retirados, como exceção, das listas de sanções. Nós estamos falando tanto da malha férrea quanto da rodoviária", disse uma fonte ao jornal, que acrescenta que o documento aponta que a coordenação entre a UE e a Lituânia levou algumas semanas.

Em abril, a UE baniu o trânsito de caminhões russos, mas aplicou uma exceção aos veículos em direção a Kaliningrado. As atuais restrições à circulação de bens da Rússia, anunciadas pela Lituânia, se aplicam a todo o transporte de bens sancionados por Bruxelas.
Já em meados de junho, a Lituânia notificou a região de Kaliningrado do banimento do trânsito por ferrovias de bens sob sanções da UE, o que deu início a uma crise diplomática na região.
© Sputnik / Sergei GuneevDmitry Peskov, porta-voz presidencial da Rússia, em 22 de fevereiro de 2022
Dmitry Peskov, porta-voz presidencial da Rússia, 22 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
Dmitry Peskov, porta-voz presidencial da Rússia, em 22 de fevereiro de 2022
O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou que a Rússia estava considerando uma série de opções para responder às ações da Lituânia, consideradas "hostis" por Moscou. Já o governador da região de Kaliningrado, Anton Alikhanov, afirmou que as restrições não se aplicariam à circulação de produtos derivados de petróleo pelo menos até o dia 10 de agosto. Segundo ele, a região mobilizaria sua frota marítima para compensar os cortes pela via férrea.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала