Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Mídia: Coreia do Norte vai desenvolver relações diplomáticas com repúblicas de Donetsk e Lugansk

© AP Photo / Lee Jin-manO líder norte-coreano, Kim Jong-un, aparece em uma tela em Seul falando sobre o lançamento de um míssil pela Coreia do Norte, 25 de maio de 2022
O líder norte-coreano, Kim Jong-un, aparece em uma tela em Seul falando sobre o lançamento de um míssil pela Coreia do Norte, 25 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
Nos siga noTelegram
A Coreia do Norte vai desenvolver relações diplomáticas e interestatais com as autoproclamadas repúblicas populares de Donetsk e Luhansk (RPD e RPL), de acordo com os "valores de soberania, paz e amizade".
As informações foram veiculadas pela agência de notícias estatal norte-coreana KCNA nesta quinta-feira (13).
Mais cedo, a Embaixada da Coreia do Norte na Rússia disse à Sputnik que o país decidiu reconhecer a independência da RPD e da RPL.
Sapadores do batalhão Vostok da Milícia Popular da República Popular de Donetsk (RPD) contornam o território da fábrica destruída Azovstal em busca de minas e projéteis, Mariupol, 21 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 18.06.2022
Panorama internacional
Bombardeio ucraniano na RPD mata 20
Em resposta, o Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia cortou relações diplomáticas com a Coreia do Norte.
Após a oficialização, o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, disse que Kiev "reagirá duramente" ao reconhecimento das repúblicas populares de Donetsk e Lugansk pela Coreia do Norte.
"Hoje (13), representantes das estruturas de ocupação em Donetsk disseram que foram reconhecidos pela Coreia do Norte. Reagiremos duramente em todos os níveis, mas esta é uma notícia tão grande que não requer comentários adicionais, tudo é óbvio", disse Zelensky em uma mensagem de vídeo.
Civis são evacuados do território da usina química de Azot, em Severodonetsk, República Popular de Lugansk, 26 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 26.06.2022
Panorama internacional
Forças da RPL libertam mais 250 civis da planta de Azot, em Severodonetsk
A Rússia foi a primeira a reconhecer as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk em fevereiro, seguida pela Síria no mês passado.
A Rússia iniciou operação militar especial na Ucrânia em 24 de fevereiro, com o objetivo de "desmilitarizar e desnazificar" o país vizinho, após as repúblicas populares de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) pedirem ajuda para se defender da intensificação dos ataques ucranianos.
Segundo o Ministério da Defesa russo, somente a infraestrutura militar ucraniana está na mira. Moscou já reiterou, por diversas vezes, que não tem planos de ocupar o país.
Os países do Ocidente, em resposta à operação russa, lançaram uma campanha de sanções sem precedentes contra Moscou, além de fornecerem uma imensa quantidade de armamento pesado, avaliada em bilhões de dólares.
Uma tatuagem de um dos soldados rendidos do neonazista batalhão de Azov, na planta siderúrgica de Azovstal, em Mariupol, 20 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
Panorama internacional
Ex-deputado ucraniano diz que chefe de inteligência do país vende ilegalmente armas para a Europa
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала