Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

México investirá US$ 1,5 bilhão em infraestrutura na fronteira com os EUA

© AP Photo / Gregory BullEm Tecate, nos EUA, um agente de fronteira norte-americano se posiciona próximo do muro que separa o país do México, em 24 de setembro de 2020
Em Tecate, nos EUA, um agente de fronteira norte-americano se posiciona próximo do muro que separa o país do México, em 24 de setembro de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
Nos siga noTelegram
Na terça-feira (12), o presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, e seu equivalente nos EUA, Joe Biden, anunciaram investimentos do governo mexicano na fronteira entre os dois países.
A declaração conjunta dos dois presidentes, publicada no site da Casa Branca, aponta que o México se comprometeu a investir US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 8,1 bilhões) na infraestrutura da fronteira com os EUA. O investimento será executado até 2024.
O documento ressalta que há uma lei bipartidária do governo Biden que inclui US$ 3,4 bilhões (cerca de R$ 18,5 bilhões) para financiar a construção de 26 edifícios e a modernização de projetos em postos de controle norte-americanos nas fronteiras sul e norte do país.
© AP Photo / Alexandre MeneghiniO então vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden (à esquerda), e o então candidato à presidência do México, Andrés Manuel López Obrador, posam para foto após encontro bilateral na Cidade do México, 5 de março de 2012
O então vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden (à esquerda), e o então candidato à presidência do México, Andrés Manuel López Obrador (à direita), posam para foto após encontro bilateral na Cidade do México, 5 de março de 2012 - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
O então vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden (à esquerda), e o então candidato à presidência do México, Andrés Manuel López Obrador, posam para foto após encontro bilateral na Cidade do México, 5 de março de 2012
Além disso, a declaração conjunta afirma que o México comprará 1 milhão de toneladas de fertilizantes fabricados pelos EUA. Os insumos servirão de subsídio para as fazendas mexicanas.
O documento assinado por Biden e Obrador também anuncia que os EUA e o México terão um diálogo econômico de alto nível em setembro. O foco do encontro será o estreitamento dos laços de comércio entre os países vizinhos, incluindo investimentos focados no combate ao aquecimento global e no desenvolvimento da região sul do país latino-americano.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала