- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Câmara vota os destaques da PEC Kamikaze

© FolhapressO presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), abre sessão para votação da PEC Kamikaze
O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), abre sessão para votação da PEC Kamikaze - Sputnik Brasil, 1920, 13.07.2022
Nos siga noTelegram
Presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) alterou as regras da Casa para permitir votação remota e foi acusado de fazer manobra para garantir quórum.
A Câmara dos Deputados retomou nesta quarta-feira (13) a votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Estado de Emergência (PEC 1/22), mais conhecida como PEC Kamikaze ou PEC da Irresponsabilidade Fiscal.
A proposta cria um estado de emergência para permitir a ampliação do pagamento de benefícios até o fim deste ano. Ela permite que o governo federal gaste por fora do teto de gastos uma soma de R$ 41,25 bilhões.
Segundo noticiado, o texto-base da proposta foi aprovado na noite de terça-feira (12), mas a sessão foi suspensa por conta de um apagão no sistema de informática da Casa. Com isso, a análise dos destaques, que são propostas de alterações no texto-base, ficou para esta quarta-feira (13). Após a análise, a PEC segue para votação em segundo turno.
Ministro da Economia, Paulo Guedes, acompanha evento em Brasília, 25 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 03.03.2022
Notícias do Brasil
Membros da gestão Bolsonaro dizem que Guedes usa 'regras dos anos 1970 para problemas do século XXI'
A Polícia Federal investiga se o apagão de terça-feira foi gerado pelo rompimento de um cabo. Alguns deputados, como o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), levantaram a suspeita de sabotagem.
Nesta manhã, ao retomar a sessão, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), encerrou a sessão de ontem e iniciou uma nova. Ele também autorizou o voto remoto, permitindo a votação de deputados que estão fora da Casa. A medida foi vista como uma manobra para garantir quórum para votação. Isso porque as regras da Casa somente permitem voto remoto às segundas e sextas. O governo tem pressa, uma vez que o Congresso entra em recesso na sexta-feira (15).
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала