Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Zelensky apresenta projeto de lei que concede status especial a poloneses na Ucrânia

© AFP 2022 / Wojtek RadwanskiBandeiras polonesa e ucraniana refletidas no vidro de ônibus cruzando da Ucrânia à Polônia no ponto fronteiriço de Medyka, 17 de março de 2022
Bandeiras polonesa e ucraniana refletidas no vidro de ônibus cruzando da Ucrânia à Polônia no ponto fronteiriço de Medyka, 17 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 12.07.2022
Nos siga noTelegram
Em tentativa de formalizar os acordos assinados em maio com a Polônia, Zelensky pretende alargar os direitos dos poloneses na Ucrânia, um passo criticado por um ex-presidente ucraniano.
Vladimir Zelensky, presidente ucraniano, apresentou à Suprema Rada um projeto de lei para conceder um status jurídico especial aos poloneses na Ucrânia, informou na segunda-feira (11) Andrzej Duda, presidente da Polônia.
Segundo o projeto de lei, os poloneses que vivem na Ucrânia terão direito a emprego sem licença de trabalho para estrangeiros e apátridas, serão registrados pelo Estado como contribuintes e terão o direito de receber um número de cartão de registro de contribuinte. Além disso, poderão exercer atividade econômica nas mesmas condições que os cidadãos ucranianos.
Os poloneses na Ucrânia também terão previdência social, incluindo o direito à segurança no caso de incapacidade total, parcial ou temporária para o trabalho, perda do sustento da família ou desemprego devido a circunstâncias fora do controle do trabalhador, os mesmos benefícios sociais que na legislação ucraniana, e apoio do Fundo de Proteção Social para Deficientes nas mesmas condições que os ucranianos.
Tropas polonesas durante exercícios militares no nordeste da Polônia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 07.07.2022
Panorama internacional
Se Polônia decidir enviar tropas à Ucrânia, OTAN não ajudará os poloneses, afirma ex-deputado
Eles também receberão educação no mesmo nível que os cidadãos locais, inclusive financiados pelo orçamento do Estado ucraniano, e ainda cuidados médicos em igualdade de direitos com os cidadãos da Ucrânia.
Como o preambulo do projeto de lei indica, as medidas seriam em resposta a uma lei assinada pela Polônia em 12 de março, que ajuda os cidadãos ucranianos que saíram do país em meio à operação militar especial da Rússia. Zelensky anunciou ainda durante uma visita de Duda a Kiev em maio que a decisão de conceder direitos especiais aos poloneses ucranianos reciproca os mesmos direitos dados aos refugiados ucranianos na Polônia.
Em 22 de maio, Varsóvia e Kiev acordaram a criação de um controle aduaneiro conjunto, além de garantir aos poloneses que vivem na Ucrânia a concessão dos mesmos direitos que os ucranianos. Dias depois, Viktor Yanukovich, ex-presidente ucraniano (2010-2014), criticou a iniciativa, temendo a perda de soberania da Ucrânia ao país vizinho e ao Ocidente.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала