Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

EUA fornecem a Kiev inteligência necessária para atacar civis na Rússia, diz grupo de hackers russos

© Sputnik / Taisiya LiskovetsTelhado danificado por míssil das Forças Armadas da Ucrânia em Belgorod, Rússia, foto publicada em 3 de julho de 2022
Telhado danificado por míssil das Forças Armadas da Ucrânia em Belgorod, Rússia, foto publicada em 3 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 11.07.2022
Nos siga noTelegram
As forças ucranianas estão atingindo alvos civis na Rússia usando imagens de satélite e dados de radar dos EUA, contou o grupo de hackers russo RaHDIt.
A inteligência dos EUA fornece aos seus homólogos da Ucrânia dados de radar e imagens de satélite, inclusive do território da Rússia, onde civis entram na mira de mísseis e artilharia, disse um membro do grupo de hackers russo RaHDIt à Sputnik.
Na madrugada de 3 de julho, as forças ucranianas lançaram contra a cidade russa de Belgorod três mísseis Tochka-U com ogivas de fragmentação, que foram destruídos no ar pela defesa antiaérea russa. No entanto, os destroços de um deles caíram em um edifício residencial como resultado do ataque. De acordo com o Comitê de Investigação da Rússia, morreram três pessoas, e duas estão desaparecidas, incluindo uma criança.
"Temos dados de confiança de que a inteligência dos EUA fornece à inteligência ucraniana imagens de satélite, dados de radar, incluindo imagens de satélite do território russo, aonde depois chegam os próprios mísseis e projéteis ucranianos. Nós também vemos como seus sistemas de detecção de radar funcionam [para satisfazer] o interesse da inteligência ucraniana", relatou o hacker do RaHDIt.
Segundo ele, "para realizar tais ataques, é preciso ter informações precisas, a localização dos alvos a serem atingidos".
Soldados ucranianos usam lançador com mísseis Javelin dos EUA durante exercícios militares na região de Donetsk, Ucrânia, 12 de janeiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 11.07.2022
Panorama internacional
Inteligência da Ucrânia trabalha com criminosos na revenda de armas no mercado negro, diz hacker
O RaHDIt informou nos últimos dias que a inteligência ucraniana estava revendendo armas ocidentais no mercado negro. Além disso, o RaHDIt teria conseguido, em conjunto com o grupo de hackers ucranianos Beregini, acesso a arquivos operacionais secretos do Exército da Ucrânia. Os dados obtidos sugerem que as Forças Armadas ucranianas perderam entre 50 mil e 70 mil militares, muito mais que as 10 mil casualidades comunicadas por Kiev no início de junho.
Em 6 de julho, o RaHDIt publicou dados pessoais da Diretoria Geral de Inteligência (GUR, na sigla em ucraniano) do departamento militar da Ucrânia, incluindo informações sobre indivíduos que receberam pagamentos das contas bancárias da GUR. Suas atividades incluíam vício em drogas, roubo, tráfico ilegal de armas e drogas, lesões corporais graves e estupro.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала