Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Forças da Rússia destroem hangar com obuseiros dos EUA e 2 aviões Su-25 na Ucrânia, diz MD russo

© Sputnik / Vitaly TimkivHelicóptero de reconhecimento e ataque russo Ka-52M
Helicóptero de reconhecimento e ataque russo Ka-52M - Sputnik Brasil, 1920, 09.07.2022
Nos siga noTelegram
A Força Aeroespacial da Rússia destruiu um hangar com obuseiros M777 fornecidos pelos EUA, que atacavam a República Popular de Donetsk, informou neste sábado (9), o Ministério da Defesa da Rússia em coletiva de imprensa.
"Na zona da povoação de Chasov Yar, com armas de alta precisão, foi atingido hangar com obuseiros M777 que bombardeavam áreas residenciais de Donetsk e eliminados até 30 militantes ucranianos", comunicou a entidade russa.
Ressalta-se que, em resultado do ataque da Força Aeroespacial às posições da divisão de artilharia da 72ª brigada ucraniana de infantaria mecanizada na área do povoado de Soledar, foram eliminados mais de 30% dos militares e a maior parte de armas de artilharia.
O ministério disse também que a aviação e a artilharia da Rússia atingiram nas últimas 24 horas 22 postos de comando das tropas ucranianas, incluindo dois locais de concentração de mercenários estrangeiros na região de Carcóvia.
"Foram eliminados cinco depósitos de munições nas regiões de Dnepropetrovsk e Nikolaev e na República Popular de Donetsk, bem como depósitos de combustível para equipamentos militares na vila de Annovka na região de Kirovograd", acrescenta o ministério russo.
Caças russos Su-35S e MiG-31BM derrubaram na região de Nikolaev duas aeronaves de ataque ao solo ucranianas Su-25, informa a entidade de defesa.
Soldados ucranianos usam lançador com mísseis Javelin dos EUA durante exercícios militares na região de Donetsk, Ucrânia, 12 de janeiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.07.2022
Panorama internacional
Ucrânia detecta casos de venda de equipamento militar e ajuda humanitária ocidental, diz mídia
Devido a grandes baixas e casos de deserção, as forças ucranianas estão a usar reclusos para completar as unidades da brigada de Defesa Territorial na região da Carcóvia.
"Devido às perdas e deserções, as unidades da 127ª brigada de Defesa Territorial estão sendo completadas com prisioneiros que cumpriam penas em estabelecimentos prisionais na cidade", disse neste sábado (9) o representante oficial da Defesa russa, tenente-general Igor Konashenkov.
As Forças Armadas da Rússia eliminaram nas últimas 24 horas mais de 75 nacionalistas ucranianos na região de Nikolaev.
O Ministério russo informou ainda que, na área de Zelenodolsk, na região de Dnepropetrovsk, foi atingido com armas de alta precisão um local de posicionamento temporário do batalhão nacionalista Tornado. Na sequência do ataque, foram eliminados mais de 40 militantes e de até 10 unidades de equipamentos.
No total, desde o início da operação militar especial foram eliminados: 239 aviões, 137 helicópteros, 1.503 drones, 353 sistemas de defesa antiaérea, 3.994 tanques e outros veículos blindados de combate, 738 lançadores múltiplos de foguetes, 3.117 peças de artilharia de campanha, incluindo morteiros, bem como 4.099 veículos militares especiais, concluiu o representante do Ministério da Defesa russo.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала