- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Por 36 a 1, comissão da Câmara dos Deputados aprova texto-base da PEC de benefícios sociais

© Folhapress / Pedro LadeiraO plenário da Câmara dos Deputados no dia 24 de novembro de 2021 (foto de arquivo)
O plenário da Câmara dos Deputados no dia 24 de novembro de 2021 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 07.07.2022
Nos siga noTelegram
Uma comissão especial da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quinta-feira (7), por 36 votos a 1, o texto-base da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que concede benefícios sociais válidos somente para este ano.
Discutida a menos de três meses das eleições, a PEC aumenta o valor do Auxílio Brasil, amplia o vale-gás e cria um "voucher" para caminhoneiros, entre outros pontos. Os benefícios acabam em dezembro deste ano.
Após a aprovação do texto-base, os deputados analisarão os destaques, que visam modificar a redação original.
Quando a votação for concluída, a PEC seguirá para o plenário da Câmara. Para ser de fato aprovada, a proposta precisará de ao menos três quintos dos votos. Assim, 308 dos 513 deputados precisam apoiar a PEC, em dois turnos de votação.
A PEC foi enviada ao Congresso pelo governo do presidente Jair Bolsonaro. No Senado, foi aprovada com votos favoráveis de parlamentares da base e da oposição.
A proposta vem sendo chamada de "PEC Kamikaze", pois custará R$ 41,2 bilhões aos cofres públicos em meio à crise econômica mundial e à fragilidade das contas do governo.
Ex-ministro da Educação Milton Ribeiro (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 05.07.2022
Notícias do Brasil
CPI do MEC: 'Custo compensa' por desvendar 'falcatruas'?

O que diz a PEC?

A PEC estabelece estado de emergência em 2022 devido à "elevação extraordinária e imprevisível dos preços do petróleo, combustíveis e seus derivados e dos impactos sociais deles decorrentes".
O texto aumenta o valor do Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600 mensais e prevê o cadastro de 1,6 milhão de novas famílias no programa, com custo estimado de R$ 26 bilhões.
Para caminhoneiros autônomos, o "voucher" concedido será de R$ 1 mil, com custo projetado de R$ 5,4 bilhões.
Já o Auxílio Gás, caso a PEC seja aprovada, será ampliado de R$ 53 para o valor de um botijão a cada dois meses. O preço médio atual do botijão de 13 quilos, segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), é de R$ 112,60. O custo estimado é de R$ 1,05 bilhão.
As outras medidas da PEC são as seguintes: transporte gratuito de idosos, com compensação aos estados para atender à gratuidade; benefícios para taxistas devidamente registrados até 31 de maio de 2022; repasse de R$ 500 milhões ao programa Alimenta Brasil, que prevê a compra de alimentos produzidos por agricultores familiares para distribuir a pessoas em insegurança alimentar; e injeção de até R$ 3,8 bilhões para manter a competitividade do etanol sobre a gasolina, por meio de créditos tributários.
Ministro das Relações Exteriores do Brasil, Carlos França, durante conferência de imprensa conjunta com seu homólogo russo, Sergei Lavrov, em Moscou - Sputnik Brasil, 1920, 06.07.2022
Notícias do Brasil
Brasil defende multilateralismo e independência do Ocidente ao apoiar Rússia no G20, diz analista
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала