Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

EUA revelam nova arma destinada a combater mísseis hipersônicos da China e Rússia

© AFP 2022 / US ARMY / Sgt. Ronald Sellinger Aeróstato de vigilância JLENS dos Estados Unidos, foto de arquivo
Aeróstato de vigilância JLENS dos Estados Unidos, foto de arquivo - Sputnik Brasil, 1920, 05.07.2022
Nos siga noTelegram
Pentágono está trabalhando em um novo plano que, de acordo com os militares dos EUA, lhes ajudará obter vantagem sobre as armas hipersônicas da Rússia e China, escreve Politico.
O projeto tem como o elemento principal os balões de grande altitude. Voando a altitudes entre 18 e 27 km, os aeróstatos seriam adicionados à extensa rede de vigilância do Departamento de Defesa dos EUA e poderiam posteriormente ser usados para rastrear armas hipersônicas.
A ideia pode parecer ficção científica, mas os documentos do orçamento de Pentágono indicam que a tecnologia está passando da comunidade científica do Pentágono para os serviços militares, avança jornal.
"Plataformas de altitude elevada ou muito elevada têm muitos benefícios por sua autonomia na posição, capacidade de manobra e também flexibilidade para múltiplas cargas", explicou Tom Karako, pesquisador sênior do Programa Internacional de Segurança e diretor do Projeto de Defesa de Mísseis no Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais.
O Pentágono continua investindo nesses projetos porque os militares poderiam usar os balões para várias missões.
Politico ressalta que, nos últimos dois anos, o Departamento de Defesa dos EUA gastou cerca de US$ 3,8 milhões (R$ 20,2 milhões) em projetos desta natureza e planeja gastar US$ 27,1 milhões (R$ 144,2 milhões) no ano fiscal de 2023 para continuar a trabalhar em vários projetos, segundo os documentos do orçamento.
Míssil hipersônico (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 30.06.2022
Míssil hipersônico dos EUA falha e frustra programa do Pentágono em novo teste de voo
Um ponto positivo para os EUA é que os balões podem ajudar a rastrear e deter as armas hipersônicas que estão sendo desenvolvidas pela Rússia e China.
Uma das maneiras em que os balões podem ser úteis é proporcionando reforço aos satélites no rastreamento de mísseis.
Os balões na forma de gota são capazes de coletar dados complexos e navegar usando algoritmos de inteligência artificial. Enquanto isso, os EUA continuam trabalhando em seu próprio programa de armas hipersônicas apesar do fracasso do último ensaio.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала