Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Rússia: Reino Unido tenta encontrar pretexto para 'infiltrar' sua Marinha no mar Negro

© Sputnik / Serviço de imprensa da Frota do Mar Negro da Marinha da RússiaNavio da Frota do Mar Negro da Marinha da Rússia perto da Crimeia, foto publicada em 15 de fevereiro de 2022
Navio da Frota do Mar Negro da Marinha da Rússia perto da Crimeia, foto publicada em 15 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 03.07.2022
Nos siga noTelegram
O Ministério das Relações Exteriores da Rússia citou as declarações da liderança do Reino Unido como indicativas de sua tentativa de reger os processos de liberação de grãos dos portos minados pela Ucrânia.
O Reino Unido está tentando encontrar pretextos para a Marinha Real britânica se infiltrar no mar Negro e praticamente administrar todos os processos de liberação de grãos dos portos minados pela Ucrânia, afirmou Sergei Lavrov, ministro das Relações Exteriores da Rússia.
"Esta crise alimentar é utilizada para os mais diversos fins, não apenas na área da propaganda, [para] branquear a Ucrânia e, mais uma vez, pendurar todos os cães, perdoem a expressão grosseira, em Moscou", comentou neste domingo (3) Lavrov em uma entrevista ao canal Rossiya 1.
"Mas se você ouvir a declaração de Boris Johnson [primeiro-ministro do Reino Unido] e sua ministra das Relações Exteriores [Liz Truss], por exemplo, eles estão claramente tentando criar condições, encontrar pretextos para a Marinha Real se infiltrar no mar Negro e quase administrar todos os processos de liberação de grãos dos portos que foram minados pelos ucranianos e que os ucranianos têm obrigação de desminar", continuou ele.
Presidente da Rússia, Vladimir Putin, durante reunião do Conselho de Estado, 25 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 24.06.2022
Panorama internacional
Situação em torno de grãos da Ucrânia está sendo inflada artificialmente, diz Putin
A ONU tem repetidamente advertido sobre a ameaça de uma crise alimentar por escassez de grãos, com o Ocidente acusando a Rússia de impedir o fornecimento de grãos ucranianos aos mercados mundiais, enquanto Moscou nega veementemente tais acusações. Ao mesmo tempo, os militares da Ucrânia incendiaram os grãos no porto de Mariupol e minaram o mar Negro, impedindo que os grãos cheguem aos mercados mundiais por navios.
Vladimir Putin, presidente da Rússia, disse que Moscou não tem impedido as exportações de grãos da Ucrânia e que basta a Kiev desminar os portos para que os carregamentos de grãos possam partir para os seus destinos.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала