Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Novo primeiro-ministro de Israel dá mensagem a 'todos que buscam nosso desaparecimento'

© AFP 2022 / Gil Cohen-MagenYair Lapid, primeiro-ministro de Israel, participa de primeira reunião de gabinete em Jerusalém, 3 de julho de 2022
Yair Lapid, primeiro-ministro de Israel, participa de primeira reunião de gabinete em Jerusalém, 3 de julho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 03.07.2022
Nos siga noTelegram
Yair Lapid, primeiro-ministro de Israel, sublinhou a necessidade de manter o "poderio militar" do país e se expressou contra o Irã, que diz estar tentando adquirir armas nucleares.
Israel manterá seu poderio militar e não permitirá que o Irã ganhe acesso a armas nucleares, declarou no sábado (2) Yair Lapid, primeiro-ministro israelense.
Ele defendeu a preservação do "poderio militar" de Israel.
"Faremos com que sempre tenhamos as Forças de Defesa de Israel, um Exército com uma força inegável, que nossos inimigos temem", disse.
Usina de tubulação de Seversk na região de Sverdlovsk, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 28.06.2022
Panorama internacional
'Se se meter com Israel, pagará um preço': adverte premiê após ciberataque em siderúrgicas no Irã
"Acreditamos que a ameaça iraniana é a maior ameaça que Israel enfrenta. Faremos tudo o que temos de fazer para prevenir que Irã adquira uma capacidade nuclear, ou se enraíze nas nossas fronteiras", advertiu o primeiro-ministro no seu primeiro discurso desde que assumiu o cargo na sexta-feira (1º).
Lapid se pronunciou contra "todos que buscam nosso desaparecimento, de Gaza a Teerã, das costas do Líbano à Síria: não nos testem. Israel sabe como usar sua força contra toda a ameaça, contra todo o inimigo".
O novo primeiro-ministro também defendeu os Acordos de Abraão, "uma grande bênção no impulso econômico e de segurança criado na Cúpula do Negev com os Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Egito e Marrocos", sugerindo também que "haverá uma grande bênção nos acordos que ainda estão por vir".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала