Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Economia dos EUA está perigosamente perto da recessão, apontam analistas

© AP Photo / Seth WenigTraders trabalham no pregão da Bolsa de Valores de Nova York, EUA, 19 de maio de 2022
Traders trabalham no pregão da Bolsa de Valores de Nova York, EUA, 19 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 02.07.2022
Nos siga noTelegram
A empresa de serviços financeiros norte-americana JPMorgan Chase revisou suas perspectivas de crescimento econômico de meio ano dos EUA, reduzindo acentuadamente o crescimento previsto do PIB de 2,5% para 1%, informou agência Bloomberg nesta sexta-feira (1º).
O maior banco dos EUA também reduziu sua projeção para o terceiro trimestre, de 2% para 1%. No entanto, espera-se que o crescimento atinja 1,5% nos últimos três meses do ano, impulsionado pela robusta produção automóvel e menor inflação, dizem analistas do JPMorgan.

"A nossa previsão está perigosamente perto da recessão", disse Michael Feroli economista-chefe da JPMorgan Chase, aponta a agência.

"No entanto, continuamos esperando que a economia se expanda, em parte porque consideramos que os empregadores podem estar relutantes em dispensar trabalhadores, mesmo em um período de demanda de produtos leves [como vestuário]", concluiu ele.
A queda ocorre no contexto de uma política monetária mais restritiva, após a Reserva Federal dos EUA (Fed) ter aumentado a taxa de juros em 0,75 pontos percentuais em junho.
A previsão pessimista vem após o surgimento de dados desanimadores no início desta semana, que mostraram que em maio os gastos dos consumidores dos EUA aumentaram menos do que o esperado, já que a compra dos veículos a motor permaneceu escassa. Enquanto isso, preços mais elevados provocaram reduções nas compras de outros bens.
Anteriormente, dados publicados pelo Departamento de Comércio dos EUA apontam que o PIB americano fechou o primeiro trimestre com crescimento de 1,6%. O percentual representa uma queda significativa diante dos 6,9% registrados no último trimestre de 2021.
Bandeira dos Estados Unidos - Sputnik Brasil, 1920, 09.05.2022
Panorama internacional
Economista: alta inflação e escassez de produtos podem levar ao colapso da 'bolha' econômica dos EUA
Embora tenha superado o percentual de 1,5% projetado por economistas, o PIB deste trimestre elevou o temor de recessão no país, que vem registrando a pior inflação dos últimos 40 anos.
Em maio deste ano, a inflação nos EUA ficou em 8,6% e, para tentar conter o avanço inflacionário, o Fed, banco central dos EUA, elevou a taxa de juros de 1,5% para 1,75% — a maior taxa desde 1994.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала