Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Turquia vai seguir fortalecendo seu Exército para ser o mais forte do mundo, diz Erdogan

© AFP 2022 / Ghulam RasoolSoldados do Exército turco marcham durante o desfile do Dia do Paquistão, Islamabad, 23 de março de 2022
Soldados do Exército turco marcham durante o desfile do Dia do Paquistão, Islamabad, 23 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 01.07.2022
Nos siga noTelegram
A Turquia vai seguir fortalecendo seu Exército até o transformar no mais forte do mundo, afirmou o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan.

"O sucesso dos últimos cinco anos dá todos os motivos para incluir as Forças Armadas turcas na lista das mais fortes do mundo. Vamos seguir fortalecendo nosso Exército, até o transformar no mais forte do mundo. No caminho do desenvolvimento futuro da Turquia, nós damos atenção especial ao aumento das capacidades de contenção das Forças Armadas turcas", disse o presidente Erdogan, ao discursar na Universidade de Defesa Nacional nesta sexta-feira (1º) em Istambul. Suas palavras são citadas pela agência de notícias Anadolu.

O líder turco salientou que, apesar da falta de recursos humanos, as Forças Armadas turcas continuam mostrando novos sucessos.
O presidente turco Recep Tayyip Erdogan testa o microfone antes de discursar em uma coletiva de imprensa em uma cúpula da OTAN em Madri, Espanha, na quinta-feira, 30 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 01.07.2022
Panorama internacional
Erdogan diz que não haverá reunião entre Turquia e Grécia até que premiê grego 'se recomponha'
De acordo com Erdogan, o poder do Exército turco também se manifesta no combate ao terrorismo, inclusive no contexto das operações transfronteiriças.
"A luta contra o terrorismo continuará até que essa ameaça seja eliminada por completo", destacou o líder turco.
Erdogan também chamou atenção ao crescente interesse dos parceiros estrangeiros em exercícios militares na Turquia.
"A Turquia e seu povo estão prontos para contribuir para vitórias em qualquer parte do mundo. Temos demonstrado isso na Líbia e no Azerbaijão", constatou.
© AFP 2022 / YVES HERMANPresidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, faz o discurso durante a cúpula da OTAN em Bruxelas, 14 de junho de 2021
Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, faz o discurso durante a cúpula da OTAN em Bruxelas, 14 de junho de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 01.07.2022
Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, faz o discurso durante a cúpula da OTAN em Bruxelas, 14 de junho de 2021
O chefe de Estado salientou que certos países da OTAN não apoiam Ancara em sua luta antiterrorista.
"Não nos esquecemos daqueles que se afastaram de nós", disse.
O presidente da Turquia também comentou os resultados da última cúpula da OTAN em Madri.
Segundo Erdogan, caso a Suécia e a Finlândia tentem atrasar a realização de seus compromissos ou demonstrar hipocrisia, a Turquia voltará ao seu posicionamento inicial sobre a expansão da OTAN.
"Que ninguém duvide disso", enfatizou Erdogan, lembrando que o convite à OTAN ainda não significa adesão à aliança.
Ele também apresentou um aviso a Atenas.
"A Grécia arrogante tem de se lembrar das lições da história e levar em consideração os processos na região", concluiu o líder turco.
Presidente da Rússia, Vladimir Putin (à direita), conversa com seu homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan, em Moscou, no dia 5 de março de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 29.06.2022
Panorama internacional
Pacto entre Turquia, Suécia e Finlândia: um obstáculo para relações entre Ancara e Moscou?
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала