Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Die Welt: presidente russo Putin está preparando nova 'armadilha' de matérias-primas

© AFP 2022 / AIZAR RALDESEmpregado na usina de lítio em Rio Grande, Bolívia
Empregado na usina de lítio em Rio Grande, Bolívia - Sputnik Brasil, 1920, 27.06.2022
Nos siga noTelegram
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, está preparando para os países ocidentais uma nova armadilha de recursos minerais, escreve o jornal alemão Die Welt.
O autor da matéria nota que a Bolívia possui os maiores depósitos de lítio no mundo e está em busca de parceiros de negócio que lhe ajudariam a explorar a matéria-prima, amplamente usada na produção de veículos elétricos. Na opinião do jornalista, a Rússia está na lista dos pretendentes. Quem tem acesso aos depósitos pode ter uma palavra a dizer sobre os preços e a disponibilidade.
"É justamente aqui que reside a nova armadilha de recursos de Putin", diz o artigo.
O autor acredita que agora a Rússia tem boas chances de atingir sucesso no "jogo de pôquer do lítio" e, se Moscou ganhar, a Europa ficará novamente dependente da Rússia, após o petróleo e o gás.
Conforme os dados do Serviço Geológico Americano, a Bolívia tem as maiores reservas de lítio no mundo: 21 milhões de toneladas, superando a Argentina e o Chile.

"Se a Rússia conseguir controlar os depósitos de lítio na Bolívia, isso a colocaria em uma posição muito vantajosa devido à importância desta matéria-prima para a economia de hoje", resumiu o jornal.

Após o início da operação especial russa na Ucrânia, o Ocidente endureceu a pressão sancionatória contra Moscou. As sanções afetaram especialmente o setor bancário e o setor de altas tecnologias. São cada vez mais as vozes que exortam a não comprar recursos energéticos da Rússia. Porém, a ruptura das cadeias de suprimento resultou na alta dos preços do combustível e dos produtos alimentícios na Europa e nos Estados Unidos.
Extração de petróleo em Krasnodar, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 23.06.2022
Panorama internacional
Mesmo com pressão do Ocidente, Rússia exporta mais petróleo do que antes da operação, diz NYT
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала