Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Biden transferirá presidência a Harris enquanto for anestesiado, indica Casa Branca

© REUTERS / Leah MillisJoe Biden, presidente dos EUA, ao lado de Kamala Harris, vice-presidente, discursando em cerimônia sobre infraestruturas na Casa Branca em Washington, EUA, 15 de novembro de 2021
Joe Biden, presidente dos EUA, ao lado de Kamala Harris, vice-presidente, discursando em cerimônia sobre infraestruturas na Casa Branca em Washington, EUA, 15 de novembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 19.11.2021
Nos siga noTelegram
O presidente norte-americano, Joe Biden, planeja realizar uma verificação médica de rotina nesta sexta-feira (19), véspera de seu aniversário.
Joe Biden, presidente dos EUA, transferirá brevemente seu poder a Kamala Harris, vice-presidente, enquanto for submetido a tratamento anestésico em uma verificação médica, revelou na sexta-feira (19) Jen Psaki, porta-voz da Casa Branca.
"Tal como foi o caso quando o presidente George W. Bush [2001-2009] teve o mesmo procedimento em 2002 e 2007, e seguindo o processo estabelecido na Constituição, o presidente Biden transferirá o poder à vice-presidente pelo curto período de tempo em que está sob anestesia. A vice-presidente trabalhará a partir de seu escritório em West Wing [na Casa Branca] durante este período", relatou.
A anestesia é necessária para uma colonoscopia "rotineira".
A Casa Branca prometeu publicar mais tarde os resultados da verificação médica de Biden, que é realizada no Hospital Militar Nacional de Walter Reed, Virgínia.
O processo de entrega temporária do poder ao vice-presidente devido à incapacitação do presidente foi ratificado primeiro em 1965, depois que o Congresso dos EUA passou a 25ª Emenda à Constituição dos EUA. Segundo a emenda, o vice-presidente devolverá o poder ao presidente assim que o último acordar da anestesia.
Presidente eleito Joe Biden e vice-presidente Kamala Harris durante juramento de cargo (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 21.01.2021
Agora vice, depois presidente: familiares celebram posse de Kamala Harris da Índia
A emenda também regula casos em que um presidente se torna permanentemente incapaz de exercer o poder. Nesse cenário, o vice-presidente assume o posto do presidente durante o resto do mandato. A 25º Emenda foi adotada para preservar a continuidade do governo, depois que o presidente John F. Kennedy foi assassinado em 1963.
Trata-se da primeira vez que o cargo de presidente dos EUA é dado a uma mulher, que foi exercido primeiro por George Washington em 1789, sendo que Joe Biden se tornou o 46º presidente na história do país em janeiro de 2021.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала