- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Bolsonaro exalta tour pelo Oriente Médio e contesta comparação de sua viagem com a de Lula

© REUTERS / Agência de Notícias do CatarO presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, chega ao Aeroporto Internacional de Doha, em Doha, Catar em 17 de novembro de 2021
O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, chega ao Aeroporto Internacional de Doha, em Doha, Catar em 17 de novembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 18.11.2021
Nos siga noTelegram
Presidente cumpre último dia de agenda no Oriente Médio enquanto seu principal opositor cumpre agenda na Europa, o que gerou observações da opinião pública.
Nesta quinta-feira (18), antes do seu regresso ao Brasil e ainda estando em solo catariano, o presidente, Jair Bolsonaro, ironizou as comparações feitas entre seu giro pelo Oriente Médio e a viagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à Europa.

"Eu vi na Globo News: 'Bolsonaro decepciona, Lula é um sucesso'. Ah, pelo amor de Deus", declarou Bolsonaro citado pela Folha de São Paulo.

No dia anterior (17), o mandatário já havia alfinetado o ex-presidente dizendo que "o Lula tem que andar pelo Brasil", segundo a mídia.
As duas viagens entre os candidatos mais proeminentes para disputarem as eleições 2022 levantou comparações de que, enquanto Lula visitava líderes democraticamente eleitos, Bolsonaro encontrava ditadores do golfo Pérsico.
Presidente Jair Bolsonaro discursa em Bahrein, 16 de novembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 18.11.2021
Notícias do Brasil
O que Bolsonaro pode oferecer e 'colher' em viagem ao Oriente Médio?
De acordo com o atual chefe de Estado, a viagem pelo Oriente Médio foi um sucesso.
"Excelente viagem. Conversas excepcionais. [...] O Brasil cada vez mais assumiu destaque no mundo. Há um grande interesse em várias áreas, em especial o agronegócio, a necessidade de segurança alimentar", declarou.
O presidente passou por Emirados Árabes Unidos, Bahrein e Catar. Segundo o governo, o propósito da viagem é fortalecer as relações do Brasil com países da região do golfo Pérsico e ampliar exportações de produtos agrícolas e de defesa, assim como atrair recursos para concessões de infraestrutura.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала