Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Homem na Índia se recupera da dengue mas perde visão por causa de fungo preto

Homem cego - Sputnik Brasil, 1920, 13.11.2021
Nos siga noTelegram
Durante a segunda onda da pandemia da COVID-19 que atingiu a Índia em abril de 2021, surgiram vários casos de mucormicose - ou fungo preto - em pacientes que estavam infectados com o coronavírus ou sofriam de diabetes crônica.
Contudo, o novo caso de mucormicose após recuperação da dengue é uma descoberta rara.
Um homem de 49 anos, Mohammad Talib, foi relatado como um dos raros casos de "mucormicose pós-dengue" por uma equipe de médicos do hospital Indraprastha Apollo, na capital indiana de Nova Deli, neste sábado (13).
Após 15 dias de recuperação da doença viral transmitida por mosquitos, Talib teve um episódio de sangramento nasal, seguido pela súbita perda de visão em um olho.
"É demasiado raro ver a mucormicose [fungo preto] como uma complicação após a recuperação de pacientes com dengue, pois esta condição é geralmente observada em pessoas que têm um histórico de diabetes, imunidade comprometida, e várias outras infecções", explicou o dr. Suresh Singh Naruka, consultor sênior da rede de hospitais Indraprastha Apollo. Atualmente, é ele que está liderando o tratamento do paciente em questão.
Naruka contou que a mucormicose é causada por um grupo de fungos pretos chamados de mucor, que invadem os tecidos saudáveis do nariz, dos seis nasais, dos olhos e do cérebro, e que rapidamente afeta todo o sistema do corpo humano.
O médico sublinha que "qualquer atraso no diagnóstico e tratamento pode levar a complicações duradouras".
O dr. Atul Ahuja, consultor sênior de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço no Hospital Indraprastha Apollo, diz que é crucial que um paciente que se recuperou da dengue seja constantemente monitorado quanto aos sintomas do fungo preto, de modo a iniciar seu tratamento o mais rápido possível em caso de infecção.
Os médicos indianos lançaram um alerta e apelaram aos pacientes para que monitorassem sua saúde e consultassem especialistas de saúde imediatamente após notarem quaisquer novos sintomas.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала