Canoa indígena única de 1.200 anos preservada pela água é encontrada no Wisconsin (FOTOS, VÍDEO)

Canoa (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 08.11.2021
Nos siga noTelegram
Arqueóloga e amiga encontraram em um lago nos EUA uma embarcação feita há mais de 1.000 anos por um povo ameríndio. Ela teria sido construída com ferramentas de pedra durante centenas de horas.
Foi encontrada uma canoa de 4,5 metros em um lago no estado de Wisconsin, EUA, relatou no domingo (7) o jornal The Guardian.
Canoa de 1.200 anos recuperada do Lago Mendota em Wisconsin
O achado foi descoberto em junho por duas mergulhadoras, Tamara Thomsen, arqueóloga marinha, e sua amiga Mallory Dragt, cerca de oito metros dentro d'água usando scooters subaquáticas.
​De acordo com a Sociedade Histórica de Wisconsin, a canoa foi feita de uma única árvore, e pode ser a mais antiga canoa de madeira intata encontrada no estado
A canoa estava intata, inclusive devido a não ter ficado exposta à luz, disse o arqueólogo Jim Skibo. Uma datação por carbono determinou que o objeto tinha mais de 1.000 anos.
"Esta é a primeira vez que esta coisa está fora d'água em 1.200 anos", comentou, enquanto Amy Rosebrough, outra arqueóloga, referiu que "não temos nada assim de Wisconsin".
Tais embarcações eram feitas pelos ameríndios do povo Ho-Chunk, que "construíam canoas cavadas na área queimando o interior de troncos e os raspando com ferramentas de pedra".
"Pense em cortar uma árvore de dois pés e meio [75 cm] de largura com uma ferramenta de pedra e depois abrir uma concavidade nela e a fazer flutuar", explicou Skibo.
​Ontem [3] a Sociedade Histórica de Wisconsin recuperou uma canoa no séc. IX desde o fundo do Lago Mendota, aqui mesmo em Madison. Ela tem estado lá há 1.200 anos desde que foi esculpida junto dos povos Woodland construtores de montículos de efígie. O funcionário de preservação da nação Ho Chunk estava no sítio
"Deve ter levado centenas de horas e muita habilidade. Você fica com uma nova apreciação por pessoas que viveram em um tempo em que não havia as ferramentas de hoje, para fazer esta coisa, com as quais poderiam fazer isso rápido."
A canoa agora passará por um trabalho de preservação e poderá terminar em um museu da Sociedade Histórica de Wisconsin na cidade de Madison.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала