- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

De olho nas eleições ou no foro especial? Saída de Deltan Dallagnol do MPF abre portas para teorias

© Foto / Fernando FrazãoDeltan Dallagnol fala sobre a Lava Jato no Congresso da Associação Brasileira de Private Equity & Venture Capital, Rio de Janeiro, 7 de julho de 2016
Deltan Dallagnol fala sobre a Lava Jato no Congresso da Associação Brasileira de Private Equity & Venture Capital, Rio de Janeiro, 7 de julho de 2016 - Sputnik Brasil, 1920, 05.11.2021
Nos siga noTelegram
Deltan Dallagnol pediu demissão depois de 18 anos de carreira no MPF, gravou vídeo explicando decisão e já teve até exoneração confirmada no Diário Oficial da União. O que o futuro guarda para Dallagnol?
Deltan Dallagnol pediu demissão depois de 18 anos de carreira no MPF, gravou vídeo explicando decisão e já teve até exoneração confirmada no Diário Oficial da União. O que o futuro guarda para Dallagnol?
Nesta sexta-feira (5), o Diário Oficial da União publicou a exoneração do ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato. Desde o dia 3 de novembro a exoneração passou a valer, mas só na quinta-feira (4) Deltan Dallagnol decidiu publicar um vídeo explicando o porquê de ter decidido deixar o Ministério Público.
Na descrição do vídeo, Dallagnol escreveu que a sua "vontade é fazer mais, fazer melhor e fazer diferente diante do desmonte do combate à corrupção que está acontecendo".
Já durante a explicação, o ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato afirmou: "Eu tenho várias ideias sobre como posso contribuir e eu serei capaz de avaliar, refletir e orar melhor sobre essas ideias depois de sair do Ministério Público."
Em uma saída tão próxima do ano eleitoral de 2022, o coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, não descarta a possibilidade de ser uma vontade de Dallagnol de se entregar à política.
​Estaria Dallagnol de olho em foro especial? O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) é um dos que estão apostando nesta teoria.
​A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) tem uma pergunta a fazer.
​Candidatura oficializada?
​Prazer, partido Lava Jato.
​Há quem acredite na possibilidade de Dallagnol estar saindo para "se juntar à campanha de Moro".
​Já inventaram um novo partido.
​Com a saída do Ministério Público Federal, todos os processos que estão abertos contra o procurador Dallagnol serão arquivados. Até esta semana, o ex-coordenador da força-tarefa da Lava Jato já tinha respondido a 52 processos no Conselho Nacional do MP a reclamações disciplinares, sindicâncias e a processos administrativos disciplinares.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала