Talibã em Bagram: islamistas dominam base área abandonada pelos EUA no Afeganistão

Nos siga noTelegram
Em agosto deste ano os EUA deixaram a base aérea de Bagram na província afegã de Parwan, após 20 anos da presença norte-americana.
O Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) ficou com centenas de unidades de equipamento especial e peças abandonados pelos EUA na base aérea.
Testemunhando perante o Comitê de Serviços Armados do Senado nesta terça-feira (28), o secretário de Defesa, Lloyd Austin, afirmou que manter a base aérea de Bagram significaria "continuar a guerra no Afeganistão".
O chefe do Comando Central dos EUA, Kenneth McKenzie, disse que a decisão de deixar a base aérea de Bagram estava relacionada ao número de tropas dos EUA no Afeganistão. Quando o número desceu para menos de 2.500 soldados, os Estados Unidos perderam a capacidade de defender a base.
McKenzie adicionou que ficar na base de Bagram não teria ajudado os esforços de evacuação.
© REUTERS / WANA Soldado talibã e ex-prisioneiro posa para foto na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldado talibã e ex-prisioneiro posa para foto na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
1/14
Soldado talibã e ex-prisioneiro posa para foto na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / WANA Veículos militares na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Veículos militares na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
2/14
Veículos militares na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / WANA Homem caminha pelo corredor da prisão da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Homem caminha pelo corredor da prisão da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
3/14
Homem caminha pelo corredor da prisão da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / WANA Soldado do Talibã entra em um helicóptero na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldado do Talibã entra em um helicóptero na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
4/14
Soldado do Talibã entra em um helicóptero na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencySoldado talibã armado e ex-prisioneiro gesticula na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldado talibã armado e ex-prisioneiro gesticula na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
5/14
Soldado talibã armado e ex-prisioneiro gesticula na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencySoldados do Talibã na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldados do Talibã na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
6/14
Soldados do Talibã na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencyObjetos no chão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Objetos no chão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
7/14
Objetos no chão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencySoldados islamistas posam para foto em uma cela da prisão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldados islamistas posam para foto em uma cela da prisão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
8/14
Soldados islamistas posam para foto em uma cela da prisão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencyVista da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Vista da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
9/14
Vista da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencyQuadro branco na parede da prisão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Quadro branco na parede da prisão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
10/14
Quadro branco na parede da prisão na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencySoldado talibã armado e ex-prisioneiro em um helicóptero militar na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldado talibã armado e ex-prisioneiro em um helicóptero militar na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
11/14
Soldado talibã armado e ex-prisioneiro em um helicóptero militar na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencyUniforme do exército dos EUA abandonado entre outras coisas no chão da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Uniforme do exército dos EUA abandonado entre outras coisas no chão da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
12/14
Uniforme do exército dos EUA abandonado entre outras coisas no chão da base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencyTabela de basquete na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Tabela de basquete na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
13/14
Tabela de basquete na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
© REUTERS / West Asia News AgencySoldado talibã armado e ex-prisioneiro perto de aparelhos de ginástica na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Soldado talibã armado e ex-prisioneiro perto de aparelhos de ginástica na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021. - Sputnik Brasil
14/14
Soldado talibã armado e ex-prisioneiro perto de aparelhos de ginástica na base aérea de Bagram, na província de Parwan, Afeganistão, 23 de setembro de 2021.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала