Inimigos terão 'resposta esmagadora' se tentarem prejudicar Irã, adverte novo ministro da Defesa

© AP Photo / Exército do Irã Sistema de defesa antiaérea Talash lançando um míssil Sayyad 2 durante manobras iranianas Velayat (foto de arquivo)
Sistema de defesa antiaérea Talash lançando um míssil Sayyad 2 durante manobras iranianas Velayat (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 21.09.2021
Nos siga noTelegram
O ministro da Defesa do Irã, brigadeiro-general Mohammad-Reza Gharaei Ashtiani, ameaçou com um potencial ataque retaliatório se algum inimigo da República Islâmica tentar prejudicar a nação.
O ministro recém-nomeado declarou em seu discurso que o Irã tem por várias vezes enfatizado que seu poder defensivo e o avanço em novas tecnologias e inovações nacionais visam proteger a segurança do país e responder a qualquer agressão externa, avança Tehran Times.
"Os inimigos da nação iraniana certamente receberão uma resposta esmagadora por qualquer ação imprudente e precipitada e incorrerão em custos pesados", assegurou Ashtiani.
Referindo-se ao que o ministro iraniano chamou de "arengado dos líderes do regime sionista", Ashtiani abordou as recentes advertências de autoridades israelenses sobre o programa nuclear do Irã e a assistência prestada a grupos militantes.
"Regimes afiliados com poderes falsos têm desesperadamente recorrido a observações absurdas e infundadas", disse o ministro da Defesa, alertando os inimigos da nação contra tais ações.
No início deste mês, durante a sua visita a Moscou, o ministro das Relações Exteriores israelense Yair Lapid acusou o Irã de tentar desenvolver armas nucleares, afirmando que, se a comunidade internacional não impedir Teerã de obter capacidade nuclear, Israel o fará "independentemente do custo".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала