NASA publica VÍDEO mostrando construção de novo avião supersônico muito silencioso

© Foto / NASA / Joey PonthieuxAvião X-59, da NASA, projetado para reduzir o estrondo sônico escutado no solo quando uma aeronave voa a velocidades supersônicas
Avião X-59, da NASA, projetado para reduzir o estrondo sônico escutado no solo quando uma aeronave voa a velocidades supersônicas - Sputnik Brasil, 1920, 05.08.2021
Nos siga noTelegram
NASA publicou um timelapse que mostra o processo de construção de seu avião supersônico X-59 QueSST, que promete ser muito mais silencioso do que as aeronaves semelhantes hoje existentes.

As imagens de câmera rápida mostram o avanço da fabricação do avião X-59 desde maio de 2019 até julho de 2021. A aeronave está sendo produzida com a Tecnologia Quiet SuperSonic (QueSST, na sigla em inglês) que evitará as explosões sônicas ao quebrar a barreira do som.

Os engenheiros e robôs especializados trabalharam durante todo este tempo para montar as principais seções (a fuselagem, as asas) dando forma ao avião pela primeira vez, explicou a agência espacial.

O X-59 QueSST da NASA está ainda no processo de construção nas instalações da Lockheed Martin, na cidade de Palmdale, Califórnia, nos EUA. Uma vez concluída a produção do avião, se espera realizar os primeiros testes de voo a partir de 2022, que durarão até 2024.

​Veja este timelapse do avião X-59 da Tecnologia Quiet SuperSonic capturado pela Lockheed Martin. Está ficando tudo pronto e começando a parecer um avião verdadeiro. O primeiro voo do X-59 QueSST é planejado para 2022. Saiba mais:

A aeronave possuirá filtros destinados a absorver o ruído de seus motores a jato. Além disso, o projeto procura evitar que se formem ondas de choque, gerando um som pouco audível para as pessoas em terra.

O projeto das asas fornece à máquina a força necessária para o levantar à altitude de mais de 16 quilômetros e ultrapassar até 1,4 vezes a velocidade do som.

O objetivo da NASA é mostrar que o avião pode produzir uma explosão sônica mais silenciosa e segura para voar dentro do espaço aéreo convencional.

Se os testes correrem bem, isso pode mudar as proibições existentes sobre os voos supersônicos. As empresas poderiam usar esta tecnologia para projetar novas frotas de aviões comerciais supersônicos, reduzindo significativamente o tempo de voo dos viajantes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала