- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

YouTube remove ao menos 11 vídeos de Bolsonaro sobre cloroquina

© REUTERS / Lucy NicholsonLogotipo do YouTube em foto tirada em Playa Del Rey, em Los Angeles, nos Estados Unidos, no dia 21 de outubro de 2015
Logotipo do YouTube em foto tirada em Playa Del Rey, em Los Angeles, nos Estados Unidos, no dia 21 de outubro de 2015 - Sputnik Brasil, 1920, 27.05.2021
Nos siga noTelegram
O YouTube removeu pelo menos 11 vídeos do presidente Jair Bolsonaro com recomendações ao uso de cloroquina para tratar a COVID-19. O medicamento é ineficaz contra a doença.

A decisão decorre de uma atualização da política da empresa, feita em abril, que prevê a exclusão de vídeos que recomendem remédios sem eficácia contra o coronavírus, como a cloroquina e a ivermectina.

O levantamento sobre as remoções é da empresa de análise de dados Novelo Data e foi noticiado pelo G1.

Dentre os vídeos removidos de Bolsonaro, estão duas transmissões ao vivo feitas em março e abril de 2020 e outros vídeos com os títulos "A Hidroxicloroquina cada vez mais demonstra sua eficácia em portadores do COVID-19" e "Fox News mostra estudos sobre a eficácia da Hidroxicloroquina no combate ao Coronavírus".

© Foto / Carolina Antunes / Presidência da RepúblicaO presidente Jair Bolsonaro recomendou o uso de cloroquina contra a COVID-19. Foto de arquivo
YouTube remove ao menos 11 vídeos de Bolsonaro sobre cloroquina - Sputnik Brasil, 1920, 27.05.2021
O presidente Jair Bolsonaro recomendou o uso de cloroquina contra a COVID-19. Foto de arquivo

Ao acessar os links, os usuários encontram a seguinte mensagem: "Este vídeo foi removido por violar as diretrizes da comunidade do YouTube".

Em abril deste ano, cinco publicações da conta do presidente que continham o mesmo tema já haviam sido derrubadas.

Ainda de acordo com o G1, outros três vídeos foram removidos: um do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL), outro do deputado Daniel Silveira (PSL), preso pelo Supremo Tribunal Federal (STF), e um do ex-senador Magno Malta, do Espírito Santo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала