Houthis lançam mais 2 drones contra a Arábia Saudita

© REUTERS / Khaled AbdullahSoldados do movimento houthi marcham durante funeral de seus combatentes, mortos em recentes confrontos, em Sanaa, no Iêmen
Soldados do movimento houthi marcham durante funeral de seus combatentes, mortos em recentes confrontos, em Sanaa, no Iêmen - Sputnik Brasil, 1920, 01.04.2021
Nos siga noTelegram
Rebeldes houthis do movimento Ansar Allah no Iêmen disseram ter atacado uma base aérea localizada no sudoeste da Arábia Saudita com dois drones.

O porta-voz das tropas houthis, Yahya Saree, anunciou o ataque nesta quinta-feira (1º) em sua conta no Twitter.

A Força Aérea Iemenita atacou a Base Aérea Rei Khalid em Khamis Mushait com dois drones tipo Qasef-2K, o ataque foi preciso. Esta ofensiva acontece em resposta à escalada da agressão e à continuação do bloqueio contra o Iêmen.

A coalizão militar liderada pelos sauditas, no entanto, relatou a interceptação de dois veículos aéreos não tripulados carregados de explosivos que foram lançados contra a base saudita.

É a segunda declaração dos houthis sobre ataques à Arábia Saudita em 24 horas. Nesta quarta-feira (31), os rebeldes disseram ter utilizado quatro drones no ataque.

© REUTERS / Mohamed al-Sayaghi Um soldado houthi uniformizado caminha em frente a um veículo militar
Houthis lançam mais 2 drones contra a Arábia Saudita - Sputnik Brasil, 1920, 01.04.2021
Um soldado houthi uniformizado caminha em frente a um veículo militar

Conflito no Iêmen

O Iêmen vive um conflito armado desde 2014 entre os apoiadores do presidente Abdo Rabu Mansur Hadi e os rebeldes houthis do movimento Ansar Allah.

Em março de 2015, uma coalizão militar liderada pela Arábia Saudita interveio no conflito, ao lado do presidente iemenita.

Em retaliação ao constante bombardeio aéreo saudita no norte do Iêmen, os rebeldes houthis atacam a infraestrutura petrolífera e os aeroportos da Arábia Saudita.

Na sexta-feira passada (26), os houthis lançaram uma operação em grande escala contra a Arábia Saudita para marcar os seis anos do início do conflito no Iêmen.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала