Preço do petróleo tem aumento de 5% após cargueiro gigante encalhar no canal de Suez

© REUTERS / Suez Canal Authority/Handout via Reuters Navio cargueiro Ever Given, um dos maiores do mundo, encalhado no canal de Suez, no Egito, em 25 de março de 2021
Navio cargueiro Ever Given, um dos maiores do mundo, encalhado no canal de Suez, no Egito, em 25 de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 25.03.2021
Nos siga noTelegram
Cargueiro Ever Given, que pode transportar até 20 mil contêineres, encalhou em uma das rotas comerciais mais importantes do mundo, o canal de Suez, no Egito, e já impacta aumento dos preços do petróleo.

O navio de carga Ever Given, do tamanho de um arranha-céu, encalhou nesta semana no Canal de Suez, no Egito, impactando negativamente o tráfego marítimo global, já que o fechamento do canal afeta os embarques de petróleo e gás do Oriente Médio para a Europa.

Com isso, o preço do petróleo reagiu com aumento de 5% em relação ao seu nível mais baixo da semana e o preço do barril passa de US$ 63 (cerca de R$ 355) nesta quinta-feira (25), de acordo com reportagem do jornal The Times of Israel.

Funcionários e dragas trabalham para tentar desencalhar o navio com bandeira do Panamá, que transporta cargas entre a Ásia e a Europa, no estreito canal artificial que divide a África continental da península do Sinai. Enquanto isso, pelo menos 150 outros navios seguem parados esperando a obstrução para passar pela hidrovia, de acordo com autoridades.

As previsões dos especialistas são de que o navio possa permanecer preso no canal por mais de uma semana. Além disso, a maioria dos navios na fila provavelmente vai esperar o cargueiro ser desencalhado, visto que uma rota alternativa exige uma volta pela África.

A Bernhard Schulte Shipmanagement, empresa que gerencia o Ever Given, informou que a tripulação de 25 membros do navio está segura e que nenhum contêiner afundou. O navio tinha dois pilotos da autoridade de canal do Egito a bordo quando encalhou na terça-feira (23).

Meteorologistas egípcios disseram que motivo do incidente corresponderia a fortes ventos com rajadas de até 50 quilômetros por hora e uma tempestade de areia.

"As investigações iniciais descartam qualquer falha mecânica ou do motor como causa do encalhe", disse a empresa.

Em 2019, o cargueiro deu outro susto quando bateu em uma pequena balsa atracada no rio Elba, na cidade portuária alemã de Hamburgo. As autoridades na época culparam o vento forte pela colisão, que danificou gravemente a balsa.

Construído em 2018, o Ever Given possui um comprimento de quase 400 metros e uma largura de 59 metros, sendo um dos maiores navios de carga do mundo. Ele pode transportar cerca de 20.000 contêineres de uma vez. O cargueiro já havia estado em portos na China antes de seguir para Roterdã, nos Países Baixos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала