Dinamarca estende suspensão de vacina da AstraZeneca por 3 semanas

© REUTERS / POOLMembro da equipe lida com vacinas da AstraZeneca contra a COVID-19 armazenadas no Centro de Vacinas da Região Hovedstaden, Copenhague, Dinamarca, 11 de fevereiro de 2021
Membro da equipe lida com vacinas da AstraZeneca contra a COVID-19 armazenadas no Centro de Vacinas da Região Hovedstaden, Copenhague, Dinamarca, 11 de fevereiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 25.03.2021
Nos siga noTelegram
A Dinamarca estendeu nesta quinta-feira (25) a suspensão do uso da vacina da AstraZeneca contra a COVID-19, dizendo que não descartou uma ligação com coágulos sanguíneos.

A decisão foi tomada apesar de a Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês) considerá-la segura, segundo publicou a AFP.

​A Dinamarca foi o primeiro país a suspender o uso da vacina AstraZeneca em meados de março, uma decisão seguida por mais de uma dúzia de outros países, principalmente europeus, após relatos de coágulos sanguíneos potencialmente ligados à vacina.

"Decidimos hoje estender nossa suspensão por mais três semanas, até 18 de abril. Discutimos isso com especialistas locais, que ainda acreditam que as preocupações persistem. É por isso que continuamos com a pausa", disse o diretor da Autoridade de Saúde dinamarquesa, Soren Brostrom, em entrevista coletiva.

O que causa mais preocupação às autoridades dinamarquesas é uma combinação de coágulos sanguíneos, hemorragia e níveis baixos de plaquetas no sangue que é rara, mas ocasionalmente fatal.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала