Iraque: militantes explodem 2 torres de energia e Bagdá fica sob ameaça de apagão

© REUTERS / Thaier Al-SudaniEm Bagdá, o templo de Moussa al-Kadhim é visto a partir de cima no distrito de Kadhimiya, em 9 de março de 2021
Em Bagdá, o templo de Moussa al-Kadhim é visto a partir de cima no distrito de Kadhimiya, em 9 de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 18.03.2021
Nos siga noTelegram
Na quarta-feira (17), duas torres de energia foram alvo de explosões na província iraquiana de Diyala.

Conforme afirmou o Ministério da Eletricidade do Iraque, na quarta-feira (17), militantes foram os responsáveis pelo ataque contra as torres de transmissão de energia em Diyala.

Com o ataque, riscos de desabastecimento na região foram cogitados e, segundo as autoridades iraquianas, cortes de energia podem ocorrer na capital Bagdá em decorrência das explosões.

"Grupos terroristas explodiram duas torres de transmissão de energia na [...] província de Diyala durante a noite da quarta-feira [17], deixando-as fora de serviço", disse o Ministério da Eletricidade do Iraque, em comunicado obtido pela Sputnik.
© AP Photo / Hadi MizbanZona Verde de Bagdá, Iraque
Iraque: militantes explodem 2 torres de energia e Bagdá fica sob ameaça de apagão - Sputnik Brasil, 1920, 18.03.2021
Zona Verde de Bagdá, Iraque

Como resultado do incidente, a rede elétrica local perdeu cerca de 400 megawatts de eletricidade, acrescentou o ministério iraquiano.

"A desconexão das linhas de transmissão de energia afetará o fornecimento de eletricidade a Bagdá e às províncias do norte", acrescenta o comunicado.

Ainda conforme as autoridades locais, a instalação danificada está sendo restaurada. Não se sabe ainda qual grupo foi responsável pelo ataque. Sabe-se, porém, que o Iraque convive com conflitos envolvendo militantes do Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em diversos países).

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала