Vaticano proíbe Igreja Católica de abençoar as uniões do mesmo sexo

© REUTERS / Handout / Mídia do VaticanoPapa Francisco faz oração na Igreja da Imaculada Conceição em Qaraqosh, Iraque, 7 de março de 2021
Papa Francisco faz oração na Igreja da Imaculada Conceição em Qaraqosh, Iraque, 7 de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 15.03.2021
Nos siga noTelegram
O Vaticano afirmou, nesta segunda-feira (15), que padres da Igreja Católica Romana não podem abençoar uniões de pessoas do mesmo sexo e que tais bênçãos "não são lícitas" se realizadas.

A determinação foi uma reação a uma prática recente de países como os Estados Unidos e a Alemanha, que passaram a abençoar a união entre pessoas do mesmo sexo, conforme divulgado pela Reuters.

Após questionamentos formais de uma série de dioceses sobre a permissão para a prática, a Congregação para a Doutrina da Fé (CDF), órgão do Vaticano, emitiu que a resposta era "negativa".

Segundo a CDF, o papa Francisco aprovou o comunicado, que diz que "não se trata de uma forma de discriminação injusta, mas sim uma lembrança da verdade do rito litúrgico".

© REUTERS / Guglielmo MangiapaneO sol se põe atrás da cúpula da Basílica de São Pedro, antes da missa de véspera de Natal celebrada pelo papa Francisco, no Vaticano, no dia 24 de dezembro de 2020
Vaticano proíbe Igreja Católica de abençoar as uniões do mesmo sexo - Sputnik Brasil, 1920, 15.03.2021
O sol se põe atrás da cúpula da Basílica de São Pedro, antes da missa de véspera de Natal celebrada pelo papa Francisco, no Vaticano, no dia 24 de dezembro de 2020

A nota afirma que as bênçãos não eram permitidas, embora fossem "motivadas por um desejo sincero de acolher e acompanhar pessoas homossexuais" e ajudá-las a crescer na fé.

A Congregação para a Doutrina da Fé alega que, como as bênçãos estão relacionadas ao sacramento do casamento entre um homem e uma mulher, elas não podem ser estendidas a casais do mesmo sexo.

"Não é lícito dar uma bênção aos relacionamentos, até mesmo os estáveis, que envolvam atividade sexual fora do casamento [ou seja, fora da união indissolúvel entre um homem e uma mulher que se abre à transmissão da vida], como é o caso das uniões entre pessoas do mesmo sexo", diz a nota.

A Igreja Católica possui 1,3 bilhão de membros no mundo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала