Um recado à China: Biden se reunirá com líderes de Japão, Índia e Austrália

© AP Photo / Susan WalshPresidente eleito dos EUA Joe Biden, durante discurso
Presidente eleito dos EUA Joe Biden, durante discurso - Sputnik Brasil, 1920, 09.03.2021
Nos siga noTelegram
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, realizará a primeira conversa conjunta com os líderes da Austrália, Índia e Japão nesta sexta-feira (12).

Esta será uma das primeiras cúpulas de Biden, ainda que em formato digital. A reunião é mais um esforço do novo governo de reviver antigas alianças dos EUA, desgastadas após o governo de Donald Trump.

A reunião é também vista como uma mensagem à China, já que os EUA estarão reunidos com outras potências econômicas do Hemisfério Oriental.

"O fato de o presidente Biden ter feito este um de seus primeiros compromissos multilaterais mostra a importância que colocamos na cooperação estreita com nossos aliados e parceiros no Indo-Pacífico", disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, nesta terça-feira (9).
© AP PhotoNarendra Modi, primeiro-ministro da Índia, e Xi Jinping, presidente da China, durante encontro informal em Wuhan, na China.
Um recado à China: Biden se reunirá com líderes de Japão, Índia e Austrália - Sputnik Brasil, 1920, 09.03.2021
Narendra Modi, primeiro-ministro da Índia, e Xi Jinping, presidente da China, durante encontro informal em Wuhan, na China.

Tanto Psaki quanto o governo da Índia, que confirmou a participação do primeiro-ministro Narendra Modi, disseram que o encontro abordará as mudanças climáticas e a pandemia de COVID-19 – duas prioridades do governo Biden.

"Os líderes discutirão questões regionais e globais de interesse comum e trocarão opiniões sobre áreas práticas de cooperação para manter uma região Indo-Pacífica livre, aberta e inclusiva", disse o Ministério das Relações Exteriores da Índia em um comunicado.

O encontro digital – que contará também com os primeiros-ministros do Japão, Yoshihide Suga, e da Austrália, Scott Morrison – debaterá também a promoção da segurança marítima e os esforços em "garantir vacinas seguras, equitativas e acessíveis" para combater a COVID-19 na Ásia, de acordo com o comunicado indiano.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала