Com 96% de precisão, obuseiros russos se tornam únicos no mundo

© Sputnik / Vitaly Timkiv / Abrir o banco de imagensArtilharia autopropulsada Msta-S durante exercício militar na região de Krasnodar (foto de arquivo)
Artilharia autopropulsada Msta-S durante exercício militar na região de Krasnodar (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 07.03.2021
Nos siga noTelegram
A precisão dos obuseiros russos atingiu o nível surpreendente de 96%, graças à utilização de mísseis guiados, em conjunto com novos sistemas de controle de tiro, segundo a corporação estatal Rostec.

Com 96% de precisão, os obuseiros russos se tornaram únicos no mundo, já que a precisão máxima anteriormente obtida pelos sistemas de artilharia dos EUA era de 92%, usando o projétil guiado M982 Excalibur, de 155 milímetros.

O projétil norte-americano utiliza um sistema de orientação inercial com correção via satélite, não possuindo um sistema guiado por infravermelho, podendo atingir apenas alvos estacionários.

No caso do armamento russo, "a combinação de mísseis guiados Krasnopol, Gran e Kitolov-2 [do fabricante KBP] com novos sistemas automatizados de artilharia proporcionou 96% de precisão", afirmou a Rostec.

A corporação, que desenvolve, produz e exporta bens de alta tecnologia, também informou que estes projéteis são capazes de atingir alvos em movimento, e que "as taxas de precisão foram confirmadas durante os disparos".

© Sputnik / Pavel Lisitsin / Abrir o banco de imagensCanhão autopropulsado russo Koalitsiya-SV
Com 96% de precisão, obuseiros russos se tornam únicos no mundo - Sputnik Brasil, 1920, 07.03.2021
Canhão autopropulsado russo Koalitsiya-SV

O fabricante de equipamento militar KBP (na sigla em russo), que faz parte da empresa Sistemas de Alta Precisão, da Rostec, recentemente automatizou 90% dos obuseiros autopropulsados Msta-S de 152 milímetros. A rapidez e eficiência de sua implantação e preparação foram aumentadas, além de permitir que o equipamento seja utilizado de dia e de noite e em quaisquer condições climáticas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала