Papa rechaça ataque contra igreja no Iraque e exorta fiéis a enfrentar o extremismo (VÍDEOS)

© AFP 2022 / Ahmad Al-RubayeO papa discursa durante evento inter-religioso na cidade de Ur, a terra natal de Abraão
O papa discursa durante evento inter-religioso na cidade de Ur, a terra natal de Abraão - Sputnik Brasil, 1920, 06.03.2021
Nos siga noTelegram
O papa Francisco pediu neste sábado (6) unidade e paz aos crentes em todo o mundo em desafio ao terrorismo e ao extremismo, que ele classificou como ataques contra a religião.

Na segunda etapa de sua visita de quatro dias ao Iraque, o papa visitou a cidade de Ur dos Caldeus, o local de nascimento de Abraão, que é considerado o pai fundador do Cristianismo, do Judaísmo e do Islã, as chamadas religiões abraâmicas.

"Hostilidade, extremismo e violência não nascem de um ânimo religioso: são traições da religião. E nós, crentes, não podemos ficar calados, quando o terrorismo abusa da religião", disse o papa em seu discurso em Ur.

Ao lembrar do ataque terrorista de 2010 contra uma igreja em Bagdá, que matou cerca de 50 pessoas, o pontífice argentino disse que "suas mortes são um poderoso lembrete de que incitar a guerra, atitudes odiosas, violência e derramamento de sangue são incompatíveis com os ensinamentos religiosos autênticos".

© AFP 2022 / Asaad NiaziRuinas do Zigurate de Ur
Papa rechaça ataque contra igreja no Iraque e exorta fiéis a enfrentar o extremismo (VÍDEOS) - Sputnik Brasil, 1920, 06.03.2021
Ruinas do Zigurate de Ur
"No mundo de hoje, que muitas vezes esquece ou apresenta imagens distorcidas do Altíssimo, os fiéis são chamados a testemunhar a sua bondade, a mostrar a sua paternidade através da nossa fraternidade", afirmou o pontífice.

Em 2010, terroristas alvejaram a catedral sírio-católica de Nossa Senhora da Salvação em Bagdá, matando 48 fiéis, incluindo mulheres e crianças, e dois sacerdotes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала