Zona do euro vê economia encolher 5% no 4º trimestre de 2020

© Sputnik / Aleksei Vitvitsky / Abrir o banco de imagensTuristas e logo da União Europeia em Bruxelas, Bélgica
Turistas e logo da União Europeia em Bruxelas, Bélgica - Sputnik Brasil, 1920, 16.02.2021
Nos siga noTelegram
A economia da zona do euro registrou queda de 0,6% no último trimestre de 2020 em relação aos três meses anteriores. Na comparação com o mesmo período de 2019, a queda foi de 5%.

Os dados foram divulgados nesta terça-feira (16) pela Eurostat, agência de estatísticas da União Europeia, e mostram contração menor do que os números anteriores, de 0,7% e 5,1%, respectivamente.

A redução da economia dos países europeus registrou uma alta de 12,4% no terceiro trimestre. De julho a setembro do ano passado, os 19 países que fazem parte da zona do euro foram capazes de diminuir as restrições relacionadas à pandemia da COVID-19.

Já nos últimos três meses de 2020, muitas nações viram o surgimento de uma segunda onda do novo coronavírus e precisaram adotar medidas de lockdown.

​A taxa de desemprego da região ficou em 8,3% em dezembro. Durante o quarto trimestre, o emprego teve alta de 0,3%, enquanto que no período anterior havia crescido 1%.

Segundo o balanço da Eurostat, o PIB anual da zona do euro deve registrar uma queda de 6,8% devido à pandemia.

A produção industrial europeia caiu 1,6% no comparativo mensal e 0,8% no comparativo anual. A produção de bens de capital, usada para investimentos, recuou 3,1% no mês e na comparação anual, enquanto a produção de bens de consumo não duráveis recuou 0,6% no mês e 3,9% no ano.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала