Bielorrússia: referendo sobre nova Constituição pode acontecer em janeiro de 2022

© Foto / Presidente da República da BielorrússiaO presidente de Belarus, Aleksandr Lukashenko, fala durante a 6ª Assembleia Popular do país
O presidente de Belarus, Aleksandr Lukashenko, fala durante a 6ª Assembleia Popular do país - Sputnik Brasil, 1920, 12.02.2021
Nos siga noTelegram
O referendo sobre o projeto da nova Constituição da Bielorrússia poderá ser realizado paralelamente às eleições locais em janeiro de 2022, afirmou nesta sexta-feira (12) o presidente do país, Aleksandr Lukashenko.

"Estou convencido de que, até o final deste ano, haverá um novo projeto de Constituição, e nos próximos 11 ou 12 meses aprovaremos este documento jurídico principal em referendo; possivelmente juntando sua aprovação com as eleições locais", afirmou Lukashenko durante a Assembleia Popular bielorrussa, que reúne cerca de 2.700 delegados, compostos por integrantes do governo, empresários e representantes dos diversos setores da sociedade.

​Segundo o site da Comissão Central Eleitoral, as próximas eleições locais dos Conselhos dos Deputados devem acontecer, o mais tardar, em 18 de janeiro de 2022.

O presidente Lukashenko também assinalou que a nova Constituição será criada "com cuidado e cautela".

Nesta sexta-feira (12), os delegados da Assembleia Popular bielorrussa aprovaram uma resolução segundo a qual a Comissão Constitucional elaborará até o final do ano propostas sobre as mudanças na Carta Magna da Bielorrússia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала