Venezuela e Irã querem fortalecer cooperação na área judicial

© AP Photo / Matias DelacroixMulher com máscara contra o coronavírus caminha em Caracas, na Venezuela, em frente a mensagem que diz: 'Coloque sua máscara'
Mulher com máscara contra o coronavírus caminha em Caracas, na Venezuela, em frente a mensagem que diz: 'Coloque sua máscara' - Sputnik Brasil, 1920, 11.02.2021
Nos siga noTelegram
Venezuela e Irã concordaram em fortalecer a cooperação entre os países na área judicial. O presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Maikel Moreno, e o embaixador de Teerã em Caracas, Hojjatollah Soltani, se reuniram nesta quinta-feira (11).

Após o encontro, o Supremo da Venezuela emitiu uma nota.

"O presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Maikel Moreno, manteve encontro institucional com o embaixador da República Islâmica do Irã, sr. Hojjatollah Soltani, com o objetivo de estreitar e fortalecer os laços de fraternidade e cooperação em questões judiciais entre as duas nações", escreve o documento.

De acordo com o texto, Soltani expressou que a embaixada de seu país está aberta a qualquer iniciativa de cooperação entre os poderes judiciários das duas nações, para o intercâmbio de conhecimentos em matéria judicial e acadêmica.

Venezuela e Irã fortalecem relações em questões judiciais. Nesta quinta-feira [11], o presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Maikel Moreno, e o embaixador do Irã em Caracas, Hojjatollah Soltani, se reuniram na sede do Supremo Tribunal da Venezuela.

Por sua vez, Moreno indicou que, apesar da distância geográfica entre as duas nações, existe unidade e afeto entre seus povos. A Venezuela e o Irã assinaram diversos acordos em matéria energética, científica, econômica e industrial.

Além disso, os presidentes de ambos países concordaram em formar uma frente comum para enfrentar as medidas coercitivas unilaterais impostas pelos Estados Unidos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала